Buerarema: Índio suspeito de matar agricultor é espancado

Ele estava acompanhado de sua mãe e seu irmão, que também é índio

Um índio foi espancado por um grupo de pessoas durante a manhã desta sexta-feira (30), em um ponto de ônibus da cidade de Buerarema, sul da Bahia. Ele estava acompanhado de sua mãe e seu irmão, que também é índio. Eles foram ameaçados, mas não sofreram agressões físicas.

Segundo informações da delegacia do município, o trio estavam descendo de um ônibus quando foram abordados pelos agressores, por volta de 10h30. Eles são suspeitos de participação no homicídio do agricultor Juraci Santana, em fevereiro deste ano. Os três se apresentaram à Delegacia de Ilhéus, mas foram liberados após prestar depoimento.

O homem agredido foi encaminhado para o Hospital de Base de Itabuna, mas já recebeu alta e foi levado para a Delegacia de Buerarema. De lá, ele, sua mãe e seu irmão foram levados por policiais da Força Nacional até a aldeia onde vivem.

Conflito

O conflito entre agricultores e índios tupinambás na região da Serra do Padeiro se intensificou desde o final semestre do ano do passado. Depois da morte de Juraci, moradores de Buerarema realizaram um protesto que durou cerca de 10 horas na BR-101. Os manifestantes destruíram parte da pista que corta a cidade e ameaçaram explodir uma ponte com dinamites.

Fazendeiros e índios disputam uma área de 47,3 mil hectares na região. A área foi delimitada pela Fundação Nacional do Índio (Funai) em 2009. Desde então, os índios cobram que o Ministério da Justiça expeça a portaria declaratória, reconhecendo-a como território tradicional indígena. Feito isso, ainda será preciso aguardar que a Presidência da República homologue a área.

Os índios já ocuparam fazendas em Buerarema, Una, São José da Vitória, e Ilhéus. Segundo o Conselho Indigenista Missionário (Cimi), eles tomaram posse de 80% da área que reivindicam como território tradicional.

 

 

 

Fonte: Correio, com informações da Agência Brasil

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui