Alegria, paciência e oração

“Alegrem-se na esperança, sejam pacientes na tribulação, perseverem na oração.” (Romanos 12.12)

Já estamos indo para o final do primeiro mês do ano. O tempo passa rápido! Como você tem se saído? O que tem buscado para sua vida e como está enfrentando o que ela lhe trouxe até agora? Certamente que espera ser feliz com o que tem feito, por isso, avalie o que tem feito! No texto de hoje temos uma boa orientação para adotarmos atitudes que tem tudo a ver com felicidade. São atitudes muito apropriadas para quem não pode controlar a vida – que é o nosso caso! Para quem quer aprender a lidar melhor com a vida. A primeira atitude é nos alegrar porque temos esperança. Nos alegrar na esperança do cuidado de Deus.

Paulo não está falando de um sentimento, mas de uma promessa. A esperança na qual devemos nos alegrar é a promessa do amor e presença de Deus em nossa vida por meio de Cristo. Nada e ninguém pode separar de Deus aqueles que se tornaram Seus por meio de Cristo (Rm 8.31-39). E Paulo chama essa maravilhosa benção de “esperança”. Alegrar-se nessa “esperança” é firmar a alegria em algo eterno, que Deus fez. E então podemos ser pacientes diante das tribulações, mantendo-nos firmes, certos de que a tribulação passará e que Deus está cuidando de nós.

Para sustentar essa atitude de alegar-se na esperança e de ser paciente da tribulação, Paulo nos aconselha: orem com perseverança. A oração nos coloca em contato permanente com a realidade da presença de Deus. Falamos com Ele e fortalecemos a consciência de que somos amados. Em oração habitamos um lugar em que podemos ser inteiramente nós mesmos, falar das angústias, fazer lamentos, entregar anseios e escolher confiar. Orar nos renova para a vida! E então, mesmo que nada mude, tudo muda, porque mudamos. Em oração deslocamos nossa vida daqui para lá, porque o “lá” de Deus invade o nosso “aqui”. Felicidade tem tudo a ver com esperança, paciência e oração. Seja mais feliz hoje!

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui