Agricultores sofrem com onda de invasões no sul da Bahia

Grupos armados e autodenominados tupinambás intensificaram as invasões a propriedades rurais nas regiões de Buerarema, Una e São José da Vitória. Desde o domingo (11), cinco fazendas foram ocupadas por grupos que têm como líder o irmão do cacique Rosivaldo Ferreira, o Babau. Gil já esteve preso por descumprir mandados judiciais e invasões em 2010.

Ontem (12), um grupo expulsou da Fazenda Santa Maria famílias de trabalhadores rurais e o proprietário, José de Oliveira Costa, de 84 anos. Segundo um dos filhos de José de Oliveira, o grupo impediu a retirada de móveis e outros pertences. Gil condicionava a liberação dos móveis à entrega de armas. “Pensavam que tínhamos arma”, afirma Ricardo Amaral, filho do produtor.

Antes da invasão ontem, três homens estiveram na fazenda no sábado (10) e deixaram a propriedade diante do ataque de cães de guarda. O trio, segundo Amaral, disparou tiros contra os animais. Os homens foram reconhecidos como os mesmos de uma invasão em maio do ano passado, quando atiraram contra trabalhadores e balearam uma mulher grávida.

Ontem, no retorno, os homens chamaram um dos filhos do produtor José de Oliveira. “Quando meu irmão percebeu, tudo já estava cercado”, afirma Amaral. Uma vaca foi abatida pelos invasores para que fosse feito churrasco. As fazendas ficam na região disputada pelos tupinambás.

 

 

Fonte: Pimenta

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui