6.335 pessoas se recuperaram da covid-19 nas últimas 24 horas, diz Ministério da Saúde

Pela 1ª vez, Brasil soma mais de mil mortes por covid-19 em um dia
Subiu para 106.794 o número de pessoas recuperadas da covid-19 no Brasil. Foto: reprodução
Segundo o Ministério da Saúde, até esta terça-feira, 19 de maio, o país registra 17.971 óbitos, sendo que 1.179 foram registrados nos sistemas de informação oficiais do Ministério da Saúde nas últimas 24h, desse total, 225 mortes ocorreram, de fato, nos últimos três dias e outras 3.319 estão em investigação.

Subiu para 106.794 o número de pessoas recuperadas da covid-19 no Brasil, o que representa 39,3% do total de casos confirmados até o momento (271.628). Há também 146.863 pessoas em tratamento.

O texto oficial da pasta diz que nas últimas 24h 6.335 pessoas se recuperaram da doença. “Atualmente, a doença circula em pouco mais da metade dos municípios brasileiros, mas a maior parte não registra nenhum óbito”, consta no material divulgado no site do Ministério da Saúde.

Países que bateram mais de mil mortes

Com os dados desta terça, o Brasil se junta a um grupo com outros quatro países que já registraram mais de 1 mil mortes em apenas 24 horas.

O pico diário acima dos três dígitos foi também alcançado pelos Estados Unidos (2.612) em 29 de abril, pela França (1.417) em 7 de abril, pela China (1.290) em 17 de abril e pelo Reino Unido (1.172) em 29 de abril, segundo o levantamento da Universidade Johns Hopkins.

No caso da China, o número foi incluído em uma revisão das estatísticas, e não propriamente durante as semanas em que os casos estavam em crescimento.

Na Espanha e na Itália, dois dos países mais afetados pelo novo coronavírus na Europa, o pico diário se aproximou do milhar: em 27 de março a Itália registrou 919 mortos e a Espanha 961 em 2 de abril.

Recordes nos estados

Os números também foram recorde em ao menos dois estados: São Paulo registrou 324 novas mortes em um dia e ultrapassou 5 mil óbitos no total. No Rio de Janeiro, foram 227 mortes e agora o estado passa de 3 mil mortes por Covid.

 Informações: Ministério da Saúde e G1

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui