24ª Ciretran participa da Feira de Saúde e leva educação no trânsito para as crianças

17 pessoas do Detran Salvador vieram auxiliar. Fotos Wesley Morau/OSollo

O Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran) esteve na Feira da Saúde, que ocorreu no sábado e domingo, 18 e 19 de novembro, em Teixeira de Freitas. A coordenadora da 24ª Circunscrição de Trânsito (Ciretran) de Teixeira de Freitas, Tatiane Ruas, informou que o Projeto Detranzinho teve um estande na Feira, por meio do qual  foi disponibilizado entretenimento, educação no trânsito com as crianças e atividades lúdicas voltadas para o tema, tudo ofertado para acolher os filhos dos cidadãos que foram à Feira usufruir dos serviços lá disponibilizados.

Uma força-tarefa do Detran Salvador composta por 17 pessoas veio para ajudar nas ações do Dentranzinho. No entanto, o que mais chamou a atenção da criançada foram os quatro robôs (RoboTran), quatro carrinhos eletrônicos, e, ainda, “muita brincadeira e diversão”, tudo alinhado com o projeto Detranzinho, lançado em outubro pela 24ª Ciretran em Teixeira de Freitas.

Robotran atraiu a atenção das crianças no evento

O Detran Salvador disponibilizou ainda um micro-ônibus e um caminhão com material para montar a  estrutura na Feira. Conforme Tatiane Ruas, foi um sucesso, “porque as crianças estão sentindo que hoje uma feira tem algo para elas, tem atenção, alguma coisa para elas se divertirem e aprender”, ela completa externando a visível satisfação dos pais, que “também estão abraçando, porque as crianças estão aprendendo sobre educação no trânsito de uma forma divertida”.

A criançada aprendeu de forma lúdica sobre o trânsito

Projeto Detranzinho

Lançado em 2 de outubro, o  objetivo é fazer com que os infantes aprendam e corrijam os adultos de acordo com as infrações: como dirigir usando o celular, não fazer o uso devido do cinto de segurança, invasão de faixa, contramão e outras infrações.

O projeto simula as etapas necessárias ao adulto para retirada da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). No dia do lançamento, as crianças responderam perguntas sobre o trânsito e as respostas corretas foram premiadas. Depois, levaram para casa livros educativos sobre os assuntos relacionados ao trânsito e tiveram até 30 dias para estudar. Após esse período, realizaram uma prova sobre as leis de trânsito.

De acordo Tatiane, a entrega das CNHs será marcada em breve. Apenas 2% não passaram na prova, e, por isso, serão convocados para aula específica sobre aquilo que erraram. “Tivemos 98%de aproveitamento das provas, os 2 % que não passaram, entraremos em contato para que aprendam sobre aquilo que responderam errado. Nossa intenção é que as crianças aprendam, não é aprovar ou reprovar ninguém”, esclarece a coordenadora.

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui