Uldurico diz que chance de se filiar a PCdoB é “zero” caso incorporação do PPL se confirme

Uldurico diz que chance de se filiar a PCdoB é “zero” caso incorporação do PPL se confirme. Foto Ascom

Conforme anúncio feito pelos presidentes Luciana Santos, Partido Comunista do Brasil (PCdoB), e Sérgio Rubens de Araújo Torres, do Partido Pátria Livre (PPL), na segunda-feira, 26 de novembro, o PPL será incorporado ao PCdoB.

Mas, ao que tudo indica, a fusão será feita sem seu único deputado federal eleito e presidente do partido na Bahia, Uldurico Júnior. Segundo a sua assessoria, a chance de ele migrar para o Partido Comunista do Brasil é “zero”.

No estado, enquanto Uldurico é apoiador do prefeito ACM Neto (DEM), o PCdoB integra a base aliada do governador Rui Costa (PT). A sigla até integrou a chapa presidencial do PT, com a deputada estadual Manuela d’Ávila (RS) como candidata a vice-presidente de Fernando Haddad (PT).

Diversos veículos de comunicação tendenciosamente divulgaram que Uldurico Jr. se tornaria “comunista” e iria para o PCdoB, não apresentando os verdadeiros fatos, que envolvem a incorporação. Sobre tais notícias, o deputado federal, que teve expressiva votação no Extremo Sul, seu berço eleitoral, disse: “Infelizmente, vivemos um momento no país onde as chamadas fake news têm alcançado um grande público através das redes sociais”.

Uldurico Jr. acrescentou: “Quero aqui manifestar o meu repúdio e afirmar que não existe nenhum tipo de negociação nesse sentido”, declarando que se a direção nacional decidir pela fusão, vai buscar outro partido.

O anúncio oficial da incorporação, segundo nota conjunta enviada à imprensa, será domingo, 02 de dezembro, às 10 horas, em reunião no auditório do Sindicato dos Eletricitários, na capital paulista.

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui