Ubiratan afirma que também não sabia de aliança PMN-PMDB

Assim como a deputada estadual Maria Luiza Laudano (PTdoB), o parlamentar Getúlio Ubiratan (PMN) também não foi comunicado da decisão do seu partido, que integrará a chapa do pré-candidato ao governo do estado Geddel Vieira Lima (PMDB).

Segundo sua assessoria, ele estava na longa sessão que discutiu o projeto do Refis, na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), e só obteve a informação pela imprensa. “Não tomei conhecimento e não participei da reunião. Estou tentando falar com o presidente do partido, mas ainda não consegui. Continuo na bancada de governo, pois não fui solicitado para fazer o contrário”, revelou.

Ubiratan avalia que a questão ainda não está fechada, uma vez que a definição de aliança entre as legendas só será oficializada em um encontro entre os presidentes das siglas e Geddel, que ainda não tem data para acontecer.

Apesar disso, ele será disciplinado. “Eu tenho que ter respeito e fidelidade ao partido que me elegeu”, admitiu.

Fonte: Evilásio Júnior

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui