Teixeira: Chapa “Juntos Somos Mais” OAB concorre á eleição da ordem

No dia 25 de novembro, a OAB da Bahia e todas as suas subseções estarão elegendo suas novas diretorias. Em Teixeira de Freitas, duas chapas concorrem ao pleito: a chapa encabeçada pela advogada e professora Dini Kinjio e a chapa Juntos somos mais OAB, encabeçada pela advogada Goretti Martins. A chapa Juntos somos mais OAB, além da candidata Goretti Martins à presidência, traz ainda, concorrendo à vice-presidência, o advogado e professor de Constitucional e Processo Civil da FASB, Daniel Moraes; a Secretário-Geral o Dr. Henrique Cardoso; à Tesoureira, Dra. Kerry Anne Esteves e a Secretário-Adjunto o Dr. Diego Griffo. A chapa ainda apoia a reeleição à presidência da OAB da Bahia do Dr. Luís Viana. Conta ainda com o apoio da Dra. Jackeline Larchert, Conselheira Estadual da OAB e ex-presidente da subseção de Teixeira de Freitas.

 Em um clima permeado por amizade e cumplicidade que a chapa ‘Juntos Somos Mais’ foi registrada na tarde de quarta-feira, 21 de outubro, com a participação espontânea de mais de 50 advogados

Explicando o motivo do JUNTOS SOMOS MAIS OAB, a candidata à presidente, Dra. Goretti Martins coloca que o dístico se deve ao desejo de agregar os advogados em torno da Ordem: “A OAB, sem o concurso de todos os advogados, se torna uma entidade sem representação”, afirma.

Já o candidato à vice-presidência da subseção de Teixeira de Freitas, o Dr. Daniel Moraes, afirmou que a chapa JUNTOS SOMOS MAIS OAB tem suas propostas baseadas em cinco pilares: “Gestão descentralizada e participativa, valorização da advocacia, fortalecimento das prerrogativas do advogado, formação continuada do profissional e institucionalização da OAB-Jovem na subseção de Teixeira de Freitas. Essas propostas são fundamentais para que o advogado retome o seu lugar como um profissional de respeito na sociedade”.

A Conselheira Estadual Jackeline Larchert apontou que o presidente Luís Viana sempre trabalhou pela democratização da Ordem, com os advogados discutindo interna e livremente as questões atinentes à instituição: “O presidente, nesses últimos três anos, sempre lutou incansavelmente pela defesa das prerrogativas dos advogados e o enfrentamento, quando necessário, com o Judiciário e com qualquer outra instituição que assim o exija, além da valorização do jovem advogado. Muito foi feito pelo presidente Viana, mas muito ainda há por fazer”, ressaltou.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui