Suzano Papel e Celulose e Senai formam profissionais de Mecânica Marítima na Bahia

O curso, patrocinado pela empresa, formou mão-de-obra especializada na manutenção dos principais sistemas de embarcações marítimas

 

A Suzano Papel e Celulose, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) de Itabatã, concluiu, esta semana, o curso de Mecânica Marítima que contou com a participação de 20  profissionais da região. Promovido com o objetivo de formar mão-de-obra especializada em manutenção dos principais sistemas de embarcações marítimas, o projeto impactou diretamente pescadores da região de Mucuri e Nova Viçosa que, por um mês, participaram de aulas sobre assuntos relacionados à manutenção preventiva, eletricidade básica, educação ambiental, orientação profissional e gestão do trabalho.

Fabrício José, gerente Executivo Industrial da Suzano Papel e Celulose, conta que a iniciativa desempenhou um papel importante na qualificação dos jovens profissionais, principalmente pelas inúmeras oportunidades que este mercado apresenta na região.  “Queremos contribuir continuamente com o desenvolvimento socioeconômico no entorno das nossas operações. Por meio deste projeto, apoiamos a redução de custos com manutenção e aumento da produtividade dos pescadores e ainda impulsionamos a educação e a economia local”, pontua.

Filho de pescador e atendente na peixaria do pai, Jonas Ricardo Leite, de 19 anos, se inscreveu no curso para se aperfeiçoar profissionalmente. “Gostei muito do curso. Além de mecânica, aprendi sobre ética, segurança no trabalho, entre outras coisas. Daqui para frente, vou pegar firme para aprender com alguns mecânicos e buscar novos conhecimentos para poder trabalhar neste mercado” conta. Luis Fernando Lopes, de 20 anos, também aluno e pescador, pretende seguir carreira em mecânica marítima. “Pude conhecer muitas coisas novas no curso, e agora quero aprender ainda mais”, finaliza o jovem.

Sobre a Suzano Papel e Celulose

A Suzano Papel e Celulose é uma empresa de base florestal e uma das maiores produtoras verticalmente integradas da América Latina. Subsidiária da Suzano Holding e parte do Grupo Suzano, a empresa investe há 93 anos na indústria de papel e celulose e possui operações globais em aproximadamente 60 países. Atualmente, são cinco unidades industriais: Suzano, Rio Verde e Limeira, no estado de São Paulo, Mucuri, na Bahia, e Imperatriz, no Maranhão. Sua capacidade anual de produção é de 4,7 milhões de toneladas de papel e celulose. A empresa opera ainda na área de biotecnologia, por meio da FuturaGene, primeira empresa do mundo a obter aprovação para o uso comercial de eucalipto geneticamente modificado; celulose fluff, usada na produção de fraldas e absorventes higiênicos; lignina, um subproduto do processo de fabricação da celulose, e potencial substituto de derivados de petróleo em aplicações de alto valor; e tissue, na fabricação de produtos acabados no segmento de papéis sanitários.

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui