Suzano e Sebrae-BA oferecem capacitação para microempresários do setor de transporte

O curso é voltado a micro e pequenas empresas do sul da Bahia que integram a cadeia logística da indústria de papel e celulose. Foto reprodução

Fortalecer a gestão e a competitividade de micro e pequenas empresas do setor de transporte que atuam na cadeia de suprimentos da indústria de celulose e papel no sul da Bahia. Este é o objetivo do Programa de Capacitação e Desenvolvimento Empresarial para o Segmento de Transportes, que a Suzano e o Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e Pequena Empresa (Sebrae-BA) lançam no próximo dia 6 de dezembro.

 

Oferecida gratuitamente, a qualificação vai abranger cerca de 60 empresas que são adeptas do sistema tributário Simples Nacional. São empresas que fazem parte da cadeia de suprimentos da Suzano, localizadas em Itabatã e região. Além de qualificar as empresas para o aprimoramento da gestão, o curso do Sebrae-BA também vai enfocar o desenvolvimento do empreendedorismo.

“Como indutora do desenvolvimento socioeconômico nas regiões onde atua, a Suzano pretende, com essa iniciativa, contribuir para que os pequenos negócios que integram a sua cadeia de valor na área de transportes tenham gestão saudável e focada em resultados que impulsionem o negócio”, destaca André Brito, gerente de Relações Corporativas da empresa. Ele acrescenta que o projeto está em linha com o direcionador da Suzano, de gerar e compartilhar valor.

Antes de iniciar a qualificação, o Sebrae-BA fará um diagnóstico, por amostragem, para identificar as principais dificuldades que as empresas do setor de transporte enfrentam no campo da gestão. O resultado desse diagnóstico vai orientar o conteúdo da qualificação, que contará com oficinas sobre temas como controle de caixa, gestão financeira e planejamento tributário, entre outros assuntos que fazem parte do dia a dia do negócio.

Sobre a Suzano – A Suzano, empresa resultante da fusão entre a Suzano Papel e Celulose e a Fibria, tem o compromisso de ser referência global no uso sustentável de recursos naturais. Líder mundial na fabricação de celulose de eucalipto e uma das maiores fabricantes de papéis da América Latina, a companhia exporta para mais de 80 países e, a partir de seus produtos, está presente na vida de mais de 2 bilhões de pessoas. Com operações de dez fábricas, além da joint operation Veracel, possui capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano. A Suzano tem mais de 35 mil colaboradores diretos e indiretos e investe há mais de 90 anos em soluções inovadoras a partir do plantio de eucalipto, as quais permitam a substituição de matérias-primas de origem fóssil por fontes de origem renovável. A companhia possui os mais elevados níveis de Governança Corporativa da B3, no Brasil, e da New York Stock Exchange (NYSE), nos Estados Unidos, mercados onde suas ações são negociadas.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui