Reunião do PT define estratégias para o segundo turno

O presidente estadual do PT baiano, Jonas Paulo, coordenou na manhã desta quarta-feira (13/10), mais uma reunião com os presidentes de partidos da Coligação, com o objetivo de definir as principais formas de atuação, coordenações regionais, estratégias de campanha e, principalmente, políticas de motivação para colocar a militância nas ruas no segundo turno.

O encontro contou com participação do presidente do PCdoB, o deputado federal reeleito, Daniel Almeida, do presidente do PRB, também deputado federal reeleito, Bispo Márcio Marinho, dos presidentes do PDT Alexandre Brust, do PSL, Antônio Olívio (Toninho) e de representantes da executiva dos demais partidos.

Estiveram em pauta assuntos como a retomada da campanha, orientações repassadas pela nacional, a necessidade de priorização dos grandes centros, o envolvimento da militância organizada dos partidos, além do papel dos deputados eleitos e dos prefeitos, durante o processo eleitoral no segundo turno “É necessário contar com o apoio dos deputados eleitos, suas estruturas de campanha e militância das candidaturas para retomar a ofensiva e a afirmação do projeto vitorioso na Bahia”, afirmou Daniel Almeida.

Outro assunto bastante abordado durante a reunião foi a necessidade de estabelecer formas para garantir o exercício do direito ao voto, no dia 31 de outubro “É importante mobilizar os prefeitos e dialogar com os juízes, para que seja ofertada aos eleitores, nos termos da lei, uma frota de veículos suficiente para o deslocamento da população no dia das eleições. Medida que certamente reduzirá o índice de abstenção”, opinou bispo Marinho.

Para o presidente do PT baiano, Jonas Paulo, o momento é de mostrar para o Brasil tudo que foi feito pelo governo Lula, chamar a militância e invadir as ruas, com envolvimento direto de lideranças politicas estaduais “Devemos focar nas 30 principais cidades, envolvendo o governador, os senadores, os deputados e dirigentes partidários em eventos simultâneos para dar corpo e densidade a campanha, focada na defesa do projeto liderado por Lula, que sensibilizou o mundo e colocou o País no roteiro de desenvolvimento com distribuição de renda e justiça social”, declarou o dirigente.

Fonte: Ascom do PT na Bahia

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui