Projeto em homenagem a época de ouro do rádio leva arte para toda a Bahia

Foto: divulgação
Quem não conhece nenhuma canção das décadas de 40 e 50? Ou se lembra das divertidas disputas entre rainhas, das emocionantes rádios novelas? Para matar a saudade ou conferir pela primeira vez que o projeto premiado As flores pela Bahia surgiu e, no final de 2010 e em 2011, ganha nova edição. Boa música, dança, teatro e uma homenagem a época de ouro do rádio estão contemplados no espetáculo gratuito Estão voltando as flores de uma hora de duração. O projeto ainda prevê duas oficinas, também gratuitas, de dança e técnica de som. Desta vez, as apresentações e oficinas, além da capital, serão em Nova Viçosa, Vitória da Conquista e Itapetinga. Nova Viçosa será a primeira cidade a ser visitada pelo projeto, nos dias 10 e 11 de dezembro, no Centro de Treinamento de Professores da cidade.

Revivendo antigos sucessos

“Taí, Ninguém me ama” e “Que será” são alguns dos sucessos emplacados pelas rádios naquela época, e todas essas canções também fazem parte do espetáculo Estão voltando as flores, ambientado na era de ouro do rádio. Uma idealização da Cia de Dança Contemporânea Tran Chan, com direção de Karina Ferro e Karime Nivoloni. Programas, rádio novela, disputas entre as rainhas… tudo isso pode ser conferido, com leveza e bom-humor, na apresentação. Um toque a mais para que o público possa reviver esse momento inesquecível e importante da história do país. “Em cena, as bailarinas dançam, cantam e interpretam, num espetáculo que reúne a música da época, a poesia, o universo feminino, as relações amorosas, a competição entre as cantoras e um momento de interação com a platéia dentro de um programa de auditório”, afirma Cyça López, produtora e bailarina do espetáculo.

Nova Viçosa

O espetáculo Estão voltando as flores será apresentado no Centro de Treinamento de Professores de Nova Viçosa, no dia 11 de dezembro, às 19 horas. A oficina de dança, na mesma cidade, acontece na sexta 10 de dezembro, das 9h às 13 horas. Será ministrada pelas bailarinas Cyça López e Lulu Pugliese, que farão uma abordagem sobre as estratégias de composição coreográfica e preparação corporal. Ao todo são 20 vagas oferecidas para profissionais de dança e teatro. A outra oficina, com tema instrumentação técnica de operadores de som será ministrada por Márcio Portuga, abordando introdução a operação de som, reconhecimento do material, montagem e desmontagem. São 10 vagas e os participantes ainda poderão acompanhar a montagem e ensaio geral do espetáculo Estão voltando as flores. Esta oficina será realizada também no dia 10 de dezembro, das 14 às 18 horas. As inscrições para os cursos são gratuitas e já estão abertas, podendo ser feitas com Raquel Galvão, na Secretaria de Educação e Cultura de Nova Viçosa.

A cia de dança

A cia de dança contemporânea Tran Chan já está há 30 anos no mercado de cultura baiana. Já se apresentou em várias cidades do país, como Maceió e Recife. Já o espetáculo Estão voltando as Flores, foi montado em 2005 e deste então recebeu diversas premiações como: Prêmio Estímulo a Montagem de Espetáculos de Médio Porte de Dança do Estado da Bahia – Funceb; Klauss Vianna e Ninho Reis. Participou também de vários festivais, dentre eles, o Festival de Humor. A equipe é formada por Cyça López, Karina Ferro, Leila Gomes, Lulu Pugliese, Cissa de Melo, Marcio Portuga, Aidelson Feijão, Marquinhos Fernandeses.

Fonte: Maipê Comunicação

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui