Projeto apoiado pela Suzano impulsiona a venda de quase 32 toneladas de alimentos da agricultura familiar na BA e MG

Nessas regiões, a comercialização das cestas no modelo de delivery já gerou receita bruta de R$ 137 mil, beneficiando mais de 100 famílias de agricultores

Projeto apoiado pela Suzano impulsiona a venda de quase 32 toneladas de alimentos da agricultura familiar na BA e MG. Foto: Divulgação

O projeto “A feira vai até você”, desenvolvido pela Suzano, foi lançado no final de abril como ação rápida para minimizar os efeitos do cenário imposto pela pandemia do novo coronavírus. Até agora, a iniciativa já fomentou a venda de 31,9 toneladas de alimentos de pequenos produtores que fazem parte do PDRT (Programa de Desenvolvimento Rural e Territorial) na Bahia e em Minas Gerais. O objetivo é impulsionar as vendas de cestas com produtos agroecológicos por meio de delivery, garantindo fonte de renda para esses agricultores.

O projeto já ultrapassou a marca de 3 mil cestas comercializadas na região, envolvendo 111 famílias de produtores dos municípios de Caravelas, Alcobaça, Prado, Nova Viçosa, Mucuri, Teixeira de Freitas e Nanuque. De abril a julho, eles comercializaram 31,9 toneladas de produtos diversos, gerando uma receita bruta de R$ 137 mil. Uma ajuda fundamental, sobretudo neste cenário de crise mundial na saúde, que tem afetado fortemente a atividade econômica.

“Trabalho nas feiras vendendo o que produzo, como cenoura, feijão, batata-doce, couve e outros”, conta o agricultor Jorge Miranda, tesoureiro da Associação Cana Brava, em Alcobaça. Ele destaca que, com a pandemia, ficou preocupado com a situação. “Nossos produtos são perecíveis, ou vendemos ou perdemos tudo. Com a iniciativa da Suzano mantivemos nossas vendas e, quando chega no final de semana, já sabemos o que temos de lucro. Estamos aprendendo a andar com os nossos próprios pés. Em breve, espero fazer as cestas, divulgar meu produto e se o cliente não puder vir até mim, eu vou até a casa dele fazer a entrega”, disse ele.

A Associação Cana Brava, uma das beneficiadas pelo projeto, é formada por cerca de 100 famílias. Ao todo, são 40 comunidades beneficiadas. Eles recebem apoio técnico e consultoria especializada com foco na gestão do novo modelo de entrega e também na divulgação do novo sistema de delivery de cestas agroecológicas. O novo modelo de vendas foi bem recebido pelos produtores e também pelos clientes e já é avaliado como uma oportunidade no pós-pandemia.

“Sou consumidora e fã desse projeto. São oferecidos produtos variados, a plataforma é fácil de navegar e consigo me programar. Na sexta-feira a lista de produtos já é disponibilizada e consigo me organizar. Na quarta, o pedido é fechado e na sexta-de manhã, antes do almoço, os produtos já chegam fresquinhos em uma sacola retornável”, salienta a professora da Luanna Chácara Pires, uma das clientes do projeto.

Ela afirma que para quem está em quarentena, e principalmente para quem faz parte do grupo de risco, essa é uma alternativa muito importante. “A equipe vem até a nossa casa com equipamentos de proteção, toda paramentada. Outro ponto importante é a inserção da mulher, a maioria das mulheres que está na lida faz quitutes, bolos e polpa de fruta, produtos também foram inseridos. É uma ótima saída para escoamento da produção e para firmar a clientela”, avalia a cliente Luanna.

Entre os meses de abril e julho, o projeto “A feira vai até você” gerou uma receita bruta de R$ 303,57 mil em vendas para famílias de agricultores dos estados da Bahia, Minas Gerais, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul e São Paulo. Juntos, os 310 agricultores familiares contemplados pela iniciativa entregaram mais de 10 mil cestas nos cinco estados, totalizando 72,8 toneladas de alimentos.

PDRT

O Programa de Desenvolvimento Rural e Territorial (PDRT) visa promover o fortalecimento das comunidades rurais vizinhas às unidades da Suzano, gerando renda e melhorando a qualidade de vida dos pequenos produtores. O PDRT atua em três eixos: gestão, produção e comercialização das associações e cooperativas participantes, permitindo que essas comunidades, capacitadas, conquistem sua independência financeira.

Na Bahia, o programa atua junto às comunidades rurais desde 2011. Atualmente, são 1.444 famílias beneficiadas, de 48 associações das comunidades rurais do Território do Extremo Sul da Bahia.

No Brasil, mais de cinco mil famílias, em nove estados e mais de 118 localidades já foram beneficiadas pelo programa.

Sobre a Suzano

A Suzano, empresa resultante da fusão entre a Suzano Papel e Celulose e a Fibria, tem o compromisso de ser referência global no uso sustentável de recursos naturais. Líder mundial na fabricação de celulose de eucalipto e uma das maiores fabricantes de papéis da América Latina, a companhia exporta para mais de 80 países e, a partir de seus produtos, está presente na vida de mais de 2 bilhões de pessoas. Com operações de dez fábricas, além da joint operation Veracel, possui capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano. A Suzano tem mais de 35 mil colaboradores diretos e indiretos e investe há mais de 90 anos em soluções inovadoras a partir do plantio de árvores, as quais permitam a substituição de matérias-primas de origem fóssil por fontes de origem renovável. A companhia possui os mais elevados níveis de Governança Corporativa da B3, no Brasil, e da New York Stock Exchange (NYSE), nos Estados Unidos, mercados onde suas ações são negociadas.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui