Professores de Porto Seguro anunciam greve

Foto: Rede Imprensa Livre
A Diretoria da Delegacia da Costa do Descobrimento da APLB – Sindicato de Porto Seguro vem por meio deste, informar que em ASSEMBLÉIA realizada ontem (27/09/2010) no Colégio Municipal, a categoria decidiu entrar em estado de greve. Explica que desde 2009 os profissionais da educação da rede municipal vêm tentando negociar um acordo com o prefeito, mas ate o momento o gestor municipal não atendeu as reivindicações. Apesar dos professores, Álvaro Henrique e Elisney Pereira terem sido assassinados brutalmente em pleno momento de greve, a categoria continua lutando pela a melhoria da qualidade da educação e valorização dos professores. Ressalta ainda que mesmo diante de muitas discussões e relatórios, frutos de estudos realizados pela Consultoria técnica da APLB Estadual, o executivo municipal de Porto Seguro não apresentou nenhuma contraproposta de reposição salarial. Desde julho de 2008 que os salários dos educadores não vêm sendo reajustados. No entanto, são quase R$ 40 milhões que a prefeitura irá receber do governo federal através do FUNDEB em 2010, para investir na educação e reposição salarial dos professores. Mesmo com esse valor a educação do município continua precária, escola funcionando em Lava Jato, quartos residenciais alugados e usados como sala de aula, quadra de esporte interditada e professores desmotivados por não terem os seus direitos respeitados pelo atual gestor.

Fonte: APLB Sindicato da Costa do Descobrimento

 

 

 

 

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui