Primeiro homicídio do ano: pedreiro pode ter sido morto no lugar do filho em Teixeira

Foto: Reprodução/LN

A Polícia Civil de Teixeira de Freitas registrou o primeiro homicídio de 2020 neste domingo, 05 de janeiro. O crime aconteceu no bairro Cidade de Deus, na rua 02, próximo a um campo.

A vítima foi identificada como Luiz Assis Moreira, 41 anos. Segundo informações, ele estava em casa, quando dois criminosos chegaram em uma bicicleta e chamaram no portão, onde foi alvejado por disparos de arma de fogo.

O delegado plantonista, Bruno Ferrari, juntamente com sua equipe, esteve no local, realizando o levantamento cadavérico. Testemunhas foram ouvidas e um inquérito policial foi aberto para investigar a autoria e motivação do crime.

Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica (DPT) realizou a perícia E a remoção do corpo ao IML para os procedimentos de praxe.

No local, prevaleceu a “lei do silêncio”. Segundo informações levantadas, a vítima foi atingida por aproximadamente 08 tiros, que acertaram o peito do lado esquerdo e o abdômen.

Foi encontrado próximo ao corpo, um projétil, aparentemente de revólver calibre 38. Segundo a esposa, os dois bandidos vieram para matar o filho da vítima.

Eles chamaram no portão pelo filho, mas quem saiu para atender foi o meu marido e eles atiraram e mataram ele“, disse a esposa.

Ela também relatou que Luiz Assis trabalhava como pedreiro e não teria envolvimento com ilicitudes.

Texto-base: Liberdadenews

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui