Prefeitura faz nova previsão de cronograma de vacinação após recomendação do Governo do Estado

Prefeitura faz nova previsão de cronograma de vacinação após recomendação do Governo do Estado. Foto: Ascom

A Prefeitura de Teixeira de Freitas adiou o drive thru de vacinação que estava marcado para o último dia 30, sábado, na UFSB. O adiamento aconteceu após a chegada da resolução da Comissão Intergestores Bipartite da Bahia nº13/2021 de 29 de janeiro. O documento reorganizou a ordem do grupo prioritário de Trabalhadores de Saúde na campanha de vacinação do Estado, o que levou a uma necessidade de reprogramação no calendário do município.

A diretora de Vigilância em Saúde de Teixeira de Freitas, Rosidalva Barreto, explicou que inicialmente o Governo do Estado apontou quatro momentos de vacinação dos profissionais de saúde, e nesta nova resolução foi ampliado para 11: “A divisão que recebemos era de vacinar primeiro os hospitais, em seguida UPA e Samu, em terceiro lugar viriam as Unidades Básicas de Saúde e em quarto lugar os consultórios e laboratórios. Os profissionais não estavam descritos de forma detalhada, como aparecem agora. Por isso, precisamos adiar o drive para seguir à risca essa recomendação”.

Já foram vacinados no município os profissionais da linha de frente, tanto profissionais da saúde quanto trabalhadores que atuam na área como serviços gerais, por exemplo. A Atenção Básica também já recebeu a imunização na semana anterior e o município já partiria para o quarto grupo previsto no plano estadual que foi inicialmente divulgado com a realização do drive.

“Agora nós reformulamos o nosso seguindo a nova ordem do Governo do Estado que apresentou 11 extratos detalhados. Seguiremos então vacinando como já estávamos fazendo, indo diretamente aos locais de trabalho desses profissionais, seguindo a ordem do documento. O detalhamento e a previsão de cronograma estão listados no Plano Municipal de Vacinação, que também foi alterado para conter esses novos dados”, apontou Rosidalva.

Em relação ao tempo que está sendo necessário para a vacinação, a Secretaria Municipal de Saúde relata que estava trabalhando com até duas equipes por dia, a depender da logística do local. Mas a resolução estadual também estabeleceu uma meta de 75% de vacinação das doses que foram enviadas aos municípios, por isso, em Teixeira de Freitas a partir do dia 02 de fevereiro, terça-feira, haverá quatro equipes de vacinação atuando, de forma a dar mais celeridade ao processo.

“Essa meta não foi estabelecida no início da campanha, ela chegou para nós aqui no Extremo Sul da Bahia apenas na noite da sexta-feira, 29. Estamos fazendo um trabalho com tranquilidade para realmente seguir o que pede o Ministério da Saúde e o Governo do Estado, sem aplicar doses em quem não esteja listado como prioritário. Com essa necessidade da meta, precisaremos retirar algumas vacinadoras das Unidades de Saúde para compor a equipe da vacinação contra a Covid. Se tivéssemos seguido nosso planejamento e feito o drive, estaríamos nesta segunda-feira bem próximo da meta estabelecida, pois lá teriam sido aplicadas cerca de 600 doses”, informou a diretora de Vigilância em Saúde.

Vacina para idosos

A primeira fase da vacinação conta com profissionais de saúde, idosos institucionalizados e idosos com mais de 75 anos. Porém, devido ao baixo número de doses à nível nacional, foram pensadas em etapas dentro das fases. Assim, neste primeiro momento os profissionais de saúde foram priorizados.

O Governo do Estado recebeu mais uma leva da vacina CoronaVac e autorizou os municípios a vacinar os idosos acima de 90 anos de idade. Para este fim, enviou 530 doses para Teixeira de Freitas, que estão armazenadas no Núcleo Regional de Saúde, a 9ª Dires. A previsão é de que as doses estejam com a Vigilância Epidemiológica de Teixeira de Freitas nesta quarta-feira, 3, e que a vacinação inicie na quinta, 4.

As Unidades Básicas de Saúde estão levantando os dados dos idosos acima de 90 anos da cidade, por isso é importante que os cadastros estejam atualizados. Eles serão contactados pela Secretaria Municipal de Saúde e a vacinação acontecerá em casa. Por isso, não é preciso ir ao posto de saúde para tomar a vacina, basta ter o cadastro e cartão do SUS atualizado em seu posto de saúde.

Acesse na íntegra a resolução do comitê.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui