Prefeito Abade visita projeto social Musicart

O prefeito de Porto Seguro, Gilberto Abade, visitou o premiado projeto social Musicart, no Baianão, na terça-feira, 20 de julho. Abade foi o convidado especial da tarde e assistiu às apresentações de violão, teclado, bateria, flauta e canto. “Vocês são muito talentosos e tenho certeza de que serão grandes músicos e artistas no futuro”, afirmou o Prefeito.

Recepcionado com carinho pelas crianças atendidas pelo Musicart e por crianças do projeto social da Vila Vitória, Abade explicou que a Prefeitura de Porto Seguro já apoia financeiramente a iniciativa. “Trata-se de uma ação social maravilhosa e agora estamos trabalhando para adquirir o terreno dos fundos, com 1.800 metros, que será doado à entidade”, afirmou.

O Musicart atende cerca de 150 crianças carentes, com aulas de música nos períodos matutino e vespertino. No ano passado, venceu 1.917 concorrentes e ganhou o prêmio Itaú/Unicef de melhor projeto social na categoria micro porte. “Foi a maior emoção da minha vida”, disse a diretora do Musicart, Sileide Pereira Bonfim.

Com o valor recebido na premiação, o Musicart construiu um novo prédio para abrigar as salas de música. Também foram adquiridos instrumentos musicais e pagas algumas dívidas.

Recompensa

Mas a maior recompensa do Musicart é ver o sorriso das crianças de 7 a 16 anos atendidas pelo projeto. A pequena Amanda Teixeira Alves, de 10 anos, frequenta as aulas há um ano e meio. Ela e os irmãos de 12 e 14 anos são alunos de flauta e violão. “O que eu mais gosto são as aulas de flauta, os jogos e as brincadeiras educativas”, comentou.

Já Luan Santos Silva, de 9 anos, afirmou que sua preferência são as aulas de teclado, canto e flauta. “Eu gosto muito de vir aqui, é divertido e eu aprendo coisas novas”, falou.

Associação das Mães Educadoras

Segundo Regina Costa Santos, presidente da Associação das Mães Educadoras (AME), o Musicart é um dos trabalhos desenvolvidos pela associação. As crianças até 6 anos são atendidas pelo Projeto Sementinha, que cuida de 230 crianças divididas em quatro setores espalhados pelos bairros Paraguai, Mercado do Povo, Casas Novas e Gravatá.

Também há o projeto Natureza Amiga que reúne mães para a fabricação e comercialização de sabão. “Pegamos resto de óleo nos hotéis e em alguns estabelecimentos, daí fabricamos o sabão e vendemos. Mas ainda precisamos de mais apoio e parceiros”, explicou Regina, afirmando que todos os trabalhos da AME são desenvolvidos basicamente com doações e parcerias.

O objetivo agora é dar continuidade às atividades que começaram em 2001, atendendo cada vez mais crianças e beneficiando mais comunidades.

Visita ao asfalto do Baianão

O prefeito Abade aproveitou sua ida ao Baianão para visitar as obras de pavimentação de mais de 20 mil metros quadrados de ruas do bairro. Ele estava acompanhado dos engenheiros da Conder (Companhia de Desenvolvimento Urbano da Bahia), órgão que fiscaliza e faz a ponte entre o governo estadual e as prefeituras.

Também integraram a comitiva os engenheiros da Qualy Engenharia e OPF Construções, responsáveis pelas obras de melhorias estruturais na Vila Vitória e Baianão, respectivamente.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui