Porto Seguro: Parangolé e Araketu sacodem a Passarela

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Um mar de gente invadiu a Passarela do Descobrimento em Porto Seguro, na terça-feira de Carnaval, para se esbaldar ao som de mais duas atrações consagradas da música baiana: Araketu e Léo Santana e Parangolé. Depois de se apresentar em Salvador à tarde, Léo Santana, selando sua despedida da banda Parangolé para seguir carreira solo, levantou a multidão em Porto Seguro ao som de grandes hits de pagode, funk, sertanejo e arrocha. “Esse é nosso décimo show nesse Carnaval. Estamos há três, quatro dias sem dormir, mas quando vemos essa multidão vibrando, nossas energias se renovam”, revelou, do alto de um trio elétrico cheio de tecnologia.

Tatau chegou mostrando o que não dá pra esconder e fazendo jus ao refrão “o Araketu é bom demais”. Do alto da experiência de quem já conhece Porto Seguro, cantou sucessos conhecidos do grande público e clássicos do Carnaval como “Baianidade Nagô”, “Viver e não ter a vergonha de ser feliz” e “We are Carnaval”. Na apresentação dele, a chuva, em vez de arrefecer os ânimos, colocou mais combustível na folia. “São Pedro deu só uma regada para refrescar. E o clima ficou melhor ainda”, decretou. E a multidão aprovou.

Além da alegria, a Prefeitura investiu numa estrutura para garantir também conforto e segurança aos foliões. Tratando a saúde com a importância que ela merece, foi montado na Passarela um posto de pronto atendimento, com ambulância e todos os serviços de urgência e emergência. Outro serviço muito prestigiado pela população em Porto Seguro e no Arraial d´Ajuda foi o de proteção contra doenças sexualmente transmissíveis, com distribuição de preservativos e testes rápidos de HIV, hepatite B e C e sífilis. O laudo com o resultado é entregue na mesma hora, logo após a realização dos exames.

Enquanto o Carnaval já terminou no resto do país, em Porto Seguro a festa segue até sábado com uma programação que inclui ainda Belo, Polentinha do Arrocha, Raça Negra, Babado Novo, Cangaia Elétrica, Terra Samba e muito mais.

 

 

 

Fonte: Ascom da prefeitura

 

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui