Porto Seguro não está na área recomendada para vacinação em massa contra febre amarela

Porto Seguro não está na área recomendada pelo Ministério da Saúde para vacinação em massa contra febre amarela. O município encontra-se em situação favorável, uma vez que no decorrer do ano de 2017, 38 mil pessoas foram imunizadas contra a doença.

As 27 salas de vacinação estão devidamente abastecidas com a vacina e seguindo as recomendações do Calendário Nacional de Vacinação (cidadãos de nove meses a 59 anos de idade), a partir dessa idade apenas com recomendação médica. O cartão de vacina deve ser portado e cada cidadão deverá guardá-lo e levá-lo sempre que for vacinar.

Na Bahia, apenas 8 dos 417 municípios estão em área de risco para circulação do vírus e procederam com campanha de vacinação. No Brasil, alguns municípios de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais estão em alerta e com recomendação para imunizar toda a população.

A febre amarela é uma doença febril aguda não contagiosa, de curta duração e alta morbidade e mortalidade. Entre os sintomas estão febre, icterícia, dor de cabeça, náuseas e vômitos, podendo em casos graves evoluir para doença cardíaca, hepática e renal.

A doença não é contagiosa, portanto, não é passível de transmissão de pessoa a pessoa. A febre amarela não ocorre em área urbana no Brasil desde 1942, e os casos existentes são apenas silvestres. Por isso a população deve fazer sua parte, combatendo os focos de mosquito e não alimentando os animais silvestres, para que retornem ao seu ambiente natural.

A Vigilância em Saúde da Secretaria de Saúde da Prefeitura de Porto Seguro segue atenta e monitorando junto aos demais setores a situação em todo o município e País. Todas as equipes estão munidas de informações e aptas a esclarecer as dúvidas da população em geral.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui