Políticas públicas para animais recebem atenção especial da Alba

A audiência pública sobre políticas de proteções aos animais, convocada pelo deputado estadual e presidente da Comissão de Saúde e Saneamento da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), José de Arimatéia (PRB), foi presidida, na manhã desta terça-feira (22), pelo parlamentar petista Marcelino Galo, substituindo o colega que passa por problemas de saúde. Autoridades e representantes de órgãos ligados à defesa dos animais debateram a ampliação das discussões sobre o assunto na Bahia. “Esta é mais uma iniciativa dessa comissão parlamentar que se mostra como uma das mais atuantes da Casa. Debater os maus-tratos aos animais também é uma questão social e que envolve voluntários e profissionais da saúde.A saúde animal interfere na saúde dos seres humanos, já que eles são responsáveis pela transmissão de mais de 100 doenças, é uma questão de saúde pública”, destaca Galo.

A presidente da Federação Baiana de Entidades Ambientalistas Defensoras dos Animais (Febadan), Ana Rita Tavares, foi uma das participantes da atividade junto com representantes das organizações não governamentais (ONGs) de defesa animal. Ela destacou e solicitou o avanço de dois projetos de lei importantes que estão em tramitação na Casa Legislativa. “Pedimos que aprovem o projeto que cria a Delegacia de Proteção Animal, do deputado Rosemberg Pinto, e o que cria políticas protecionistas aos animais, de autoria do ex-deputado Javier Alfaya, para darmos um passo importante para a consolidação do respeito à vida dos animais”, completa Tavares.

Fizeram parte dos trabalhos da mesa de debate o presidente da Subcomissão de Proteção dos Direitos dos Animais da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/BA), Márcio Barreto, a presidente da Associação Brasielira Protetora dos Animais (ABPA/BA), Patruska Barreiro e a representante da Associação Célula Mãe, Janaína Rios.Participaram também da audiência o representante do Instituto Cuidar é o Bicho,Carlos Ferrer, a presidente da União Defensora doa Animais Bicho Feliz, Gislane Brandão, a diretora da Associação Animal Viva, Roberlena Mercury, a presidente do Instituto Arca de Noé, Maria do Carmo Mascarenhas, a representante da União de Proteção dos Animais de Salvador, Ruth Nunes, e a presidente da SOS Animais de Itapetinga, Jeniffer Waillers.

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui