Pesquisa Ibope: Serra e Dilma perdem votos no Sudeste, mas petista amplia vantagem

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, ampliou sua vantagem na região Sudeste e lidera com 45% das intenções de voto, segundo pesquisa Ibope. Apesar de ter caído um ponto, Dilma conseguiu superar o empate técnico do último levantamento, quando tinha 46% contra 44% de José Serra (PSDB). O tucano perdeu três pontos percentuais, e soma agora 41%.

O Sudeste, o maior colégio eleitoral do país, é visto por ambas campanhas como crucial para uma vitória neste segundo turno. Dilma e Serra tem concentrado suas agendas em estados da região.

O avanço de Dilma, que obteve 56% dos votos válidos contra 44% do tucano, também pode ser explicado pelo comportamento do eleitorado feminino e religioso. Entre as mulheres, a petista passou de 46% para 48% dos votos, enquanto o tucano caiu de 46% para 41%.

Em relação aos católicos, ela subiu de 52% para 55%, já ele foi de 41% para 38%. Entre os evangélicos, Dilma passou de 41% para 44%, e Serra desceu de 52% para 45% – o que representa um empate técnico entre os candidatos.

Serra ainda perdeu a vantagem na única região em que liderava, a Sul. O tucano vencia com 54% a 41%, agora ele tem 46%, contra 47% da adversária.

No Nordeste, Dilma também subiu, passando de 57% para 64%. Já Serra foi de 36% para 31%. A única queda da petista ocorreu no Norte/Centro-Oeste, onde foi de 51% para 46%. O tucano obteve 47%.

No recorte de renda, a candidata do PT subiu entre os que têm renda de até cinco salários mínimos, chegando a 49%, enquanto o tucano avançou entre os que ganham acima desta faixa, somando 55%.

No levantamento espontâneo – quando não é apresentada uma lista de candidatos aos entrevistados -, Dilma lidera com 47%, e Serra tem 38%. Neste cenário, 8% se declararam indecisos.

A pesquisa Ibope foi encomendada pela Rede Globo e pelo jornal “O Estado de S.Paulo” e está registrada no TSE sob o número 36476/2010. Foram entrevistadas 3.010 pessoas entre 18 e 20 de outubro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Fonte: O Globo

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui