Pastor e ex-cantor da banda Shalom é assassinado a tiros

Netto Paz já foi cantor da banda Shalom e seguia carreira solo (Foto: Reprodução/ Facebook)

Na noite de quarta-feira (25), no município de Ibirapitanga, o pastor e ex-vocalista da banda Shalom, Netto Paz, de 37 anos, foi assassinado dentro do próprio carro, após criminosos que estavam em um veículo branco efetuou disparos contra o músico. Também foi atingida de raspão a filha de Netto, de apenas 12 anos.  Estavam no carro, a sua esposa Flávia Sampaio Oliveira, a outra filha do casal, de 7 anos e um pastor. Durante a ação, Flávia se machucou na região da boca.

A filha mais velha de Netto está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), no Hospital Manoel Novaes, no município de Itabuna, ela não corre risco de morte.

De acordo com Evy Paternostro, que é titular da 7ª Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Coorpin), a Polícia Civil em Ibirapitanga está colhendo informações e irá investigar o crime. Ainda não se sabe a autoria e a motivação do crime.

O corpo de Netto Paz foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Ilhéus e deverá ser velado ainda hoje (26) na Igreja do Evangelho Quadrangular, em Ibirapitanga, onde atuava como pastor.

A Banda Shalom lamentou a morte de seu ex-integrante no Facebook:

“Tristeza profunda!! Difícil escrever alguma coisa neste momento, alguém que por 17 anos trabalhamos e lutamos na obra do Senhor, juntos exaltamos e glorificamos o nome do Eterno, não entendemos agora, Senhor, mas tenho certeza de que carinhosamente meu irmão ‘Merquide’, como eu o chamava,já tem lugar preparado no Céu para onde devemos estar preparados para ir”.

 

 

 

 

 

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui