Olhos que percebam Deus

“Os pastores voltaram glorificando e louvando a Deus por tudo o que tinham visto e ouvido, como lhes fora dito.” (Lucas 2.20)

Tenho orado por mais da presença de Deus. Convido-lhe a fazer o mesmo. Oro compreendendo que a resposta a esta oração será, não um movimento de Deus para mais perto de mim, mas um movimento meu para mais perto dEle. Uma mudança em meu modo de ver a vida. Mudança que me leve a ver mais o que não se pode ver. Mudança para que eu creia mais e possa agir mais na certeza da presença de Deus e inspirado por Ele. Não é improvável que meus olhos tenham se especializado em ver apenas os movimentos humanos e quase nunca os divinos. Não serei o primeiro a perceber que Deus estava aqui e eu não sabia! Ele nos criou para si e sabe o quanto precisamos dele para viver. Mesmo quando não o percebemos, Ele está presente. Que nossos olhos se abram para percebermos sua presença

Percebendo e desfrutando a presença de Deus é que seremos curados e restaurados. Seremos santificados. Uma santidade que nos tornará pessoas que aproximam outras pessoas de Deus. Pessoas que, apesar de tristezas e dores, no corpo e na alma, perseveram na certeza inexplicável de que tudo acabará bem. E nesta esperança encontram alegria. Perceber a presença de Deus nos possibilitará uma santidade que produz gratidão, bondade, misericórdia e humildade. Cegos para Ele viveremos correndo em busca de anéis que embelezarem nossos dedos. Em Sua presença nos lembraremos mais facilmente de que os dedos valem mais que os anéis. E nesta sabedoria crescemos em contentamento. Um contentamento que nos possibilitará desfrutar a dádiva da suficiência. É assim que seremos felizes e desfrutamos paz. Paz daquele tipo que excede a todo entendimento.

Na história do natal os pastores voltaram do campo glorificando e louvando a Deus por tudo que tinham visto e ouvido. O que você tem visto e ouvido a respeito do Reino de Deus, de sua Presença e amor? Você tem percebido Deus por perto? Ou tem apenas corrido para fazer sua vida dar certo e orado para que Ele faça seus planos prosperarem? Será que não tem faltado a você olhos que vejam e coração que sinta o quanto Deus está presente? Ore para que seus olhos sejam abertos e seu coração amolecido. Ore para que seus pensamentos sejam renovados. Não se distraia tanto com o que se pode contar, tocar, pesar e medir. Tudo isso é perecível. Maravilhe-se com o que é eterno, com o que só de vê pela fé. Com o que não pode ser visto, não pode ser tocado, pesado ou medido, mas que tem o poder de mudar tudo. O natal é um excelente momento para um novo compromisso de fé. Aproveite!

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui