O Evangelho do Natal (3)

“Todos nós, tal qual ovelhas, nos desviamos, cada um de nós se voltou para o seu próprio caminho; e o Senhor fez cair sobre ele a iniquidade de todos nós.” (Isaias 53.6)

Uma visão romântica da ovelha faz dela um animalzinho dócil e agradável. Eu coleciono ovelhas de vários tipos e materiais. Elas são todas do tipo romântico: dóceis e agradáveis. Mas na vida real, a história é bem outra. As ovelhas não têm um odor muito agradável, costumam ser bem temperamentais (rabugentas, poderíamos dizer) e são completamente destituídas de senso de direção e de perigo. Perdem-se facilmente e não sabem distinguir as ervas boas das venenosas. Perturbadas por moscas, alimentam-se mal e perdem peso. Elas precisam do cuidado do pastor. O Evangelho do natal nos compara a ovelhas. Afirma que, “tal qual ovelhas, nos desviamos”.

Jesus é o bom pastor que dá a vida para salvar as ovelhas, que somos nós. Jesus é, de fato, o único pastor. Todos os demais seres humanos são ovelhas e ovelhas desorientadas, desviadas do caminho, seguindo os próprios caminhos. O Evangelho do natal nos diz que não poderíamos jamais resgatar a nós mesmos. Foi preciso que o pastor viesse a nós e nos resgatasse. Podemos ser bons em muitas coisas. Podemos ser capazes profissionalmente e realizar grandes projetos, ganhar muito dinheiro e nos tornar importantes. Mas o sentido da vida está além de nossas possibilidades. Não podemos dar sentido à nossa vida por nós mesmos. Tentar faze-lo é o desvio que cometemos.

Jesus veio a nós e com Sua vida e Suas palavras nos oferece vida plena. Nossa salvação é Ele e em ouvir, reconhecer e obedecer a Sua voz está nossa plenitude de vida. Celebrar o natal é louvar a Deus porque Ele nos amou em nossa perdição e se encarnou para nossa salvação. É diariamente aprender a ouvir a voz do Bom Pastor e deixar-se guiar por Ele. O Evangelho do natal diz que nos perdemos e quanto mais corrermos, mas perdidos estaremos. Nesta época, quando a noite de natal chegar e nos recolhermos em casa, lembremo-nos do aprisco do Pastor. É nele que estaremos seguros, em paz e encontraremos vida!

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui