Núcleo Territorial NEOJIBA Teixeira de Freitas – Orquestrando Futuros realiza concertos em comemoração aos dois anos de criação

Foto: Divulgação

O Núcleo Territorial NEOJIBA Teixeira de Freitas – Orquestrando Futuros, irá comemorar seu 2º Aniversário com duas noites de concertos, que serão realizados no Complexo Educacional e Cultural da Igreja Batista Memorial (IBM), nos dias 05 e 07 de outubro (terça e quinta), às 19:30h, com transmissão pelo Facebook do NEOJIBA.

Os grupos do NTN Teixeira de Freitas; Quarteto de Cordas,  Camerata,  Coro Juvenil e Orquestra Infantil são os destaques dos concertos de aniversário. O repertório apresenta peças como “As Quatro Estações”, de Vivaldi, “Pantera Cor de Rosa”, de Henry Mancini, “Sonata Burrico de Pau”, de Carlos Gomes, e outros grandes sucessos.

Além dos concertos, o Núcleo Territorial NEOJIBA Teixeira de Freitas – Orquestrando Futuros também iniciará as atividades do primeiro Ateliê Escola de Lutheria do Extremo Sul, com a oferta de um curso básico de dois anos. Os 4 integrantes bolsistas selecionados já estão em atividades de formação e irão aprender técnicas de reparo e ajustes básicos em instrumentos de cordas friccionadas e arcos. O projeto do Ateliê Escola do NTN conta com o apoio da “ELETROBRAS – Ateliê Escola de Lutheria Teixeira de Freitas – Programa NEOJIBA – Convênio ECV-PRCS-001/2019.

Criado em 2019, a partir da experiência de sucesso do ICED, atualmente o NTN Teixeira de Freitas Orquestrando Futuros, desenvolve atividades musicais para cerca de 160 crianças, adolescentes e jovens provenientes de mais de 32 bairros da cidade de Teixeira de Freitas, além de desenvolver importante papel territorial no apoio a projetos e iniciativas musicais parceiras por meio das ações territoriais.

O NTN de Teixeira de Freitas faz parte do programa NEOJIBA. Criado em 2007, o NEOJIBA (Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia) promove o desenvolvimento e integração social prioritariamente de crianças, adolescentes e jovens em situações de vulnerabilidade, por meio do ensino e da prática musical coletivos. O programa é mantido pelo Governo do Estado da Bahia, vinculado à Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social, e gerido pelo Instituto de Desenvolvimento Social Pela Música.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui