Nova Viçosa: Mutirão de combate ao glaucoma mobilizou cerca de 600 pacientes de todo o município.

Foto: Wene creative

A Prefeitura de Nova Viçosa, através da sua secretaria de saúde, realizou nos dias 12 e 13 de Maio em Nova Viçosa sede e no distrito de Posto da Mata respectivamente, o Mutirão de Combate ao Glaucoma, uma doença que leva à cegueira irreversível. O mutirão teve o objetivo de ampliar as atividades que permitem o diagnóstico e o tratamento da doença, a ação mobilizou e beneficiou cerca de 600 pessoas nos dois dias de ação, cobrindo 100% do território do município, e diagnosticou 150 novos casos de glaucoma.

O glaucoma é uma lesão do nervo óptico que pode provocar a cegueira. A doença, muitas vezes assintomática, que causa um aumento rápido na pressão intraocular. Pacientes com idade acima dos 40 anos e portadores de doenças como diabetes, problemas cardíacos, hipertensão e hipertireoidismo, devem estar atentos e participar de iniciativas como o mutirão realizado no município. Para combater o Glaucoma, o mutirão ofereceu colírios gratuitos e orientou os pacientes acerca do uso correto da medicação.

Durante a atividade, os pacientes passaram por avaliações médica e exames capazes de detectar o glaucoma, os procedimentos verificam falhas no campo de visão central e periférica do paciente, a partir do diagnóstico, o paciente foi encaminhado para o tratamento adequado ou para a cirurgia. Mutirões como esse tem reforçado o compromisso do prefeito Manoel Costa Almeida em ampliar o alcance dos serviços públicos de saúde “a ação oferece a essa nossa gente de Nova Viçosa uma assistência médica especializada nessa área. Assim, estamos levando os serviços à população favorecendo o acesso e incentivando o cuidado com a saúde”, disse.

Para a secretária de Saúde de Nova Viçosa, Josélia Prates, o mutirão tem a finalidade de diagnosticar e tratar a doença ainda nos primeiros estágios, e o intuito de promover o acesso ao tratamento e disseminar maiores informações para a prevenção do glaucoma. “O nosso compromisso é com o bem estar e com a garantia dos direitos da população de Nova Viçosa, especialmente a mais carente”. Ela lembra que além da consulta, quando a doença é diagnosticada, o paciente terá acesso imediato aos medicamentos e tratamentos necessários.

 

 

 

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui