Mucuri: Prefeito perde no STJ e vice pode assumir

Em decisão julgada no dia 10 de novembro, o Superior Tribunal de Justiça, decidiu por unanimidade manter a decisão do Tribunal de Justiça da Bahia que cassou os direitos políticos do prefeito Paulo Alexandre Matos Griffo, o “Paulinho de Tixa” e o condenou a 3 anos e 9 meses de prisão no processo conhecido por “Coconut”.A Ministra Maria Thereza de Assis Moura relatora do processo, já havia decido pela manutenção da decisão do TJBA junto com a sexta turma do STJ que negou provimento ao agravo regimental, nos termos do voto da Ministra relatora.A decisão do Superior Tribunal de Justiça foi publicado no dia 11, ao Tribunal de Justiça da Bahia, que terá 48 horas para notificar a Câmara de Vereadores de Mucuri para empossar o vice-prefeito, Dr. Carlos, ao cargo de prefeito do município.

Com a decisão do Superior tribunal de Justiça, Paulinho de Tixa e Jailson podem ser presos a qualquer momento pelo crime de desvio de dinheiro público.

Sul Bahia News

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui