Mucuri: Justiça determina interdição da cadeia pública

A Justiça determinou que a carceragem da delegacia de Mucuri deve ser interditada e que todos os presos terão que ser transferidos para um local adequado. Atendendo a um pedido do Ministério Público Estadual (MPE), o juiz Leonardo Santos Vieira também decidiu, nesta quinta-feira, 25, que novos detentos não podem dar entrada na unidade. As secretarias estaduais de Segurança Pública e Administração Penitenciária têm um prazo até este sábado, 27, para adotar as medidas, com pena de multa diária de R$ 10 mil. O MPE realizou uma inspeção na delegacia, onde foram encontrados dois celulares com os presos e constatadas diversas irregularidades, como ausência de alimentação; inexistência de agentes da polícia civil no local; ausência de revista dos visitantes, alimentos e produtos que chegavam de fora; além da permissão para que os internos realizassem demandas fora da delegacia. Nas celas femininas, os promotores encontraram facilidade para fugas e a entrada de drogas. Outros problemas apontados foram à insalubridade, falta de luz e superlotação. “O tratamento dispensado aos presos, indiscutivelmente, exorta-os à rebelião e à fuga”, destacou o promotor Thiago Albiani. No último dia 19, os detentos realizaram uma rebelião na unidade policial de Mucuri.

 

 

Fonte: Bahia Notícias

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui