Mucuri: Dr. Carlos Simões avalia sua gestão

Foto: SulBahiaNews

No salão de eventos do Lord Plaza Hotel, onde foi realizada a eleição da nova Mesa Diretora da Apes na sexta-feira (20), o prefeito de Mucuri, Carlos Simões, que na ocasião foi eleito tesoureiro da associação na chapa que elegeu Léo Brito como presidente, foi entrevistado pelo Jornal O Sollo, onde detalhou como tem sido a sua atuação frente ao município nos primeiros 19 dias de seu governo.

Segundo o prefeito, “nestes 19 dias estão sendo um sufoco, poucos recursos, com pagamentos atrasados dos funcionários, INSS atrasados, os refinanciamentos das dívidas também não foram pagas nos últimos meses”. Dr. Simões comparou a situação em que se encontra o município com “uma bola de neve”, uma vez que “ficou mais de R$ 4 milhões de débitos só de INSS, fora os 13º atrasados desde julho”.  Apesar disso, juntamente com sua equipe, estão “correndo atrás do prejuízo”, a fim de “tentar amenizar [os problemas] colocando primeiro em dia o pagamento dos funcionários e, depois, o que restar, paulatinamente, [estaremos] pagando o 13º, a dívida do INSS, [que] não tem como deixar de pagar, nós temos que pagar e no caso desses R$ 4 milhões, precisamos fazer um refinanciamento”, elucidou o prefeito.

Com o objetivo de deixar as contas em equilíbrio, Dr. Simões priorizou “o parcelamento da dívida” e, por conseguinte, trazendo “recursos do governo estadual, governo federal, de novo para nosso município”.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui