Moradores encontram corpo e motocicleta carbonizados na zona rural de Teixeira

Foto: Reprodução/LN

Moradores da zona rural de Teixeira de Freitas encontraram um corpo carbonizado dentro de uma área de plantio de eucalipto, próxima à comunidade “José Felipe”, no final da tarde deste domingo, 02 de junho.

O Cicom/190 foi informado e acionou uma guarnição do PETO para averiguar as informações. O corpo estava em baixo de uma motocicleta, que também estava queimada, sendo encontradas ainda cápsulas de cartuchos de arma de fogo, tipo pistola.

A delegada plantonista Andressa Carvalho foi informada e se deslocou com a sua equipe, juntamente com os peritos da Polícia Técnica, para realização do levantamento cadavérico e perícia no local, situado na Fazenda Águas da Prata.

O corpo foi encontrado em decúbito ventral e totalmente carbonizado, caracterizando que, após a execução, os criminosos atearam fogo na vítima, no intuito de dificultar a identificação do corpo.

Os peritos identificaram que o corpo estava com várias perfurações, sendo pelo menos duas perfurações na cabeça e uma na região lateral do abdômen. No local, foram encontradas 8 cápsulas de cartuchos .45, e ainda o estilhaço de um projétil do mesmo calibre.

O corpo foi encaminhado para o IML, onde passará por necropsia e ficará aguardando identificação.

A placa da motocicleta foi encontrada no local, sendo PJB 5C82, indicando ser uma motocicleta Honda/Titan 150, de cor preta, licenciada na cidade de Teixeira de Freitas.

Jovem desaparecido

A moto e algumas características do corpo e vestes apontam que, possivelmente, poderá ser de um jovem que teria desaparecido na data deste sábado (1º), quando saiu de sua residência por volta das 17h e não teria retornado. O registro do seu desaparecimento foi realizado na tarde deste domingo, na Delegacia de Polícia.

Um inquérito foi aberto para apurar a motivação do crime e a possível identificação do(s) autor(es), sendo encaminhado para os delegados responsáveis pelo NHT, Manoel Andreetta e Bruno Ferrari, que darão continuidade às investigações.

Com informações: Liberdade News

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui