Medeiros Neto promove ações de prevenção e orientação durante Novembro Azul

Fotos: Ascom

Em alusão ao Novembro Azul, campanha voltada para a saúde do homem, com ênfase na prevenção ao câncer da próstata, a Prefeitura Municipal de Medeiros Neto, por meio da Secretaria de Saúde, vem promovendo ações e palestras sobre a importância do exame do toque para a prevenção da doença nos postos de saúde do município.

O último evento foi realizado na Unidade de Saúde da Família (USF) Newton Farias, no bairro Uldurico, e reuniu dezenas de homens que assistiram atentos a testemunhos e palestras.

Como o público alvo são homens que, em sua maioria, têm dificuldades de participar durante o dia, por conta do trabalho, as equipes da Atenção Básica de Saúde e do PSF Newton Farias, mostrando compromisso com a saúde da população, tiveram a ideia de realizar o evento durante à noite. Antes de começar os trabalhos, um lanche foi oferecido aos participantes, proporcionando um momento de descontração.

Antes de começar os trabalhos, um lanche foi oferecido aos participantes, proporcionando um momento de descontração.

O evento começou, oficialmente, com uma oração, solicitada pela enfermeira Maine Real, responsável pela unidade, que parabenizou a todos pela presença e, sem demora, passou a palavra para o senhor Luiz Rocha, morador da Agrovila Perobinha, que foi acometido com o tal câncer há algum tempo. O senhor Luiz, que é médico veterinário, contou seu testemunho sobre o que passou no período da doença, desde a descoberta, tratamento e como venceu o câncer.

Após do testemunho do senhor Luiz, o público assistiu a uma palestra ministrada pelo Apoiador Institucional de Saúde de Medeiros Neto, Alan Barbosa, que falou sobre prevenção do câncer de próstata, testículos e pênis.

Segundo dados trazidos por Alan Barbosa, por contado preconceito, o número de casos de câncer de próstata no país é 5 vezes maior que o câncer de mama. Ainda de acordo com o palestrante, além do novembro azul, o Governo da Bahia também está investindo no novembro roxo, que é uma campanha de conscientização sobre o câncer de testículo e câncer pênis, uma vez que 5 % da população masculina sofre desses males.

Os participantes foram chamados a serem multiplicadores dessas informações e, após a palestra, realizaram testes de pressão e glicemia, solicitação e marcação de PSA e teste rápido de HIV, hepatite e sífilis.

Para a prefeita, Dr.ª Jadina Paiva, os homens precisam se educar ao hábito de cuidar da própria saúde. “Nós temos buscado atender todas as causas em benefício da população, promovendo e apoiando eventos como esses, mas, os homens precisam se preocupar mais com a própria saúde, até mesmo pensando na família”, frisou a prefeita.

INFORMAÇÃO

Dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA) mostram que, no Brasil, o câncer de próstata é o segundo tipo mais comum entre os homens (perde apenas para o câncer de pele não melanoma). As estimativas do INCA, são de cerca de 68.800 novos casos de câncer de próstata no país.

O câncer de próstata ocorre principalmente em homens mais velhos. Cerca de 6 em cada 10 casos são diagnosticados em homens com mais de 65 anos, sendo raro antes dos 40 anos. A média de idade no momento do diagnóstico é de cerca de 66 anos. Desta forma, recomenda-se que a prevenção passe a ser feita a partir dos 45 anos se existe risco elevado para o surgimento do câncer, ou seja, casos de câncer de próstata na família. Se não existem, o homem deve visitar o urologista anualmente a partir dos 50 anos e realizar o exame de toque e de PSA, principais meios para detectar a doença precocemente, quando as chances de cura são maiores e os tratamentos, menos invasivos. Converse sempre com seu urologista sobre o tema, tirando dúvidas e quebrando preconceitos. Lembre-se que a detecção precoce pode salvar a sua vida!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui