Laticínios DAVACA promove seu tradicional Café da Manhã com produtores rurais

alt

Parte integrante do calendário dos produtores rurais de Ibirapuã e extremo sul da Bahia, a empresa Laticínios DAVACA, promoveu mais uma edição do Café da Manhã para produtores rurais, amigos e convidados, na manhã desta terça-feira, dia 21 de junho, no pátio da empresa na cidade de Ibirapuã.

Produtores, prefeitos da região, empresários, amigos e parceiros da empresa, fizeram questão de marcar presença no evento, em clima junino, com ornamentação, comidas e bebidas típicas.

alt

Uma das muitas presenças ilustres ao evento foi a do médico e produtor rural, Gediel Sepúlvida, que veio da cidade de Eunápolis, especialmente para participar do café da manhã. “Tenho acompanhado o crescimento e o desenvolvimento dos Laticínios DAVACA, e acredito no potencial desta empresa, na contribuição para o desenvolvimento do agronegócio da região. Vim de Eunápolis até aqui, para estreitar este relacionamento e para ter a oportunidade de rever amigos, companheiros produtores rurais, e ainda ter a chance de fazer novos amigos”, frisou.

alt

Presente no mercado há 23 anos a Laticínios Davaca conta atualmente com uma linha de 32 produtos no mercado, que significa cerca de 950 toneladas de produção mensal, entre manteiga, cremes, queijos e leite em pó, distribuídos em todos os estados do Nordeste, excerto Ceará, além do Espírito Santo e São Paulo.

alt

O diretor de operações Lutz Lima Rodrigues destaca a estratégia de inovação em tempos de crise. ”A seca hoje significa uma redução de 42% na nossa produção, pela baixa oferta de leite, se comparado ao mês de pico em fevereiro desse ano, quando processamos 470 mil litros de leite por dia. Com a dificuldade climática, a nossa estratégia foi inovar, ampliamos nossa área de captação e inserimos novos produtos no mercado, como a linha de queijos zero lactose e leite em pó, além disso, nos próximos 90 dias será lançado a linha de queijos finos como parmesão e gouda. Também estamos desenvolvendo a linha de secos como achocolatados e composto lácteos”, detalhou.

alt

Após o café um grupo de produtores da região Sudoeste da Bahia, como Itapetinga, Itarantim, Macarani, Maiquinique, entre outros municípios, participaram de um dia de campo na Fazenda Campo Grande, que também pertence ao proprietário da Laticínios Davaca, onde conheceram técnicas de manejo, pastagem e melhoramento genético para aumento da qualidade e produção leiteira.

alt

A Laticínios DAVACA conta hoje com mais de dois mil produtores rurais, segundo o empresário Lutz Viana Rodrigues Júnior, que destacou a importância do encontro. “Ter a parceria e a força do produtor rural conosco, apenas reforça a certeza de que estamos no caminho certo. Poder contar com cada um deles, é um privilégio para nós”, afirmou.

alt

Por osollo.com.br/ Lúcio Andrade/ Jornalista/ MT b 4232

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui