Brumadinho: segundo baiano encontrado morto era de Nova Viçosa

Foto: Reprodução/G1

Segundo informação divulgada pelo jornal Bahia Meio Dia, um segundo baiano foi encontrado morto na tragédia do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho (MG).

Edgar Carvalho Santos, de 45 anos, era natural de Nova Viçosa, mas morava há 10 anos em Brumadinho com a esposa e duas filhas.

Ele não estava na lista de baianos divulgada inicialmente.

Edgar havia acabado de voltar do velório da mãe em Serra, no Espírito Santo, nas vésperas do desastre, para trabalhar. Sua função era de mecânico em uma empresa terceirizada da Vale.

Seu corpo foi enterrado no Parque das Rosas, na cidade mineira, na manhã da última terça-feira (29).

O outro baiano com a morte confirmada é Ednilson Santos, de 23 anos. Ele era da cidade de Santo Amaro e foi achado no meio da lama pelo próprio irmão.

Foto: VEJA

São 99 mortos e 259 desparecidos até o momento.

Outros seis baianos continuam sendo procurados e o número tende a aumentar. O principal motivo é a grande oferta de emprego na própria Vale, que faz muitos se mudarem para a região.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui