Itagimirim: Projeto Agrovida representa mais que uma fonte de renda para os agricultores

“Moça, quando meus dentes nasceram, eu já trabalhava na roça”. Desta forma simples, seu Nuno Gomes dos Reis, de 72 anos, definiu o tempo em que é agricultor. Ele é um dos 25 agricultores do município de Itagimirim que está sendo beneficiado pelo projeto de agricultura familiar Agrovida, desenvolvido pela empresa Veracel Celulose. “Além de garantir uma rendinha, vou ter uma ocupação. Vou produzir e me divertir”, disse com carinho, ao revelar que já tinha iniciado a plantar na área.

O projeto de incentivo a agricultura familiar está sendo implantado por meio de uma parceria da Veracel com a prefeitura de Itagimirim e a Associação Córrego da Prata. A empresa cedeu à Associação, em regime de comodato, uma área de 25 hectares que será utilizada para a produção agrícola, principalmente, para o plantio de mandioca.

Os agricultores que estão sendo beneficiados pelo projeto receberam ferramentas e insumos para o plantio da área. Carrinho-de-mão, enxada, enxadão, facão, adubo, botas, perneiras, entre outros materiais de produção e de segurança no trabalho, foram entregues durante reunião realizada no dia 25/11. “A entrega destes equipamentos faz parte das etapas que precedem o plantio. A próxima etapa será um dia de campo junto com a ADAB e, depois, seguiremos monitorando os resultados”, destacou a especialista em Responsabilidade Social da Veracel, Izabel Bianchi. Além da área para plantio e da entregar dos equipamentos, a Veracel ainda proporcionou a capacitação dos agricultores, o preparo do solo e o transporte das manivas (mudas de mandioca) que serão plantadas.

O agricultor João Domingues de Carvalho, de 65 anos, foi outro que estava comemorando a parceria. “Esse plantio vai ajudar a complementar a minha renda. Hoje, tenho a aposentadoria e a renda extra de algumas hortaliças que estou produzindo nos fundos da minha casa”, revelou o agricultor.

“O Agrovida representa uma independência para essas pessoas. Eles plantam, colhem e vendem a produção, garantindo rendimento por meio do próprio trabalho”, destacou o prefeito de Itagimirim, Rogério Andrade. O prefeito acrescentou, ainda, que a produção do Agrovida também ajudará a atender a carência de produção agrícola no município. “Ela também ser adquirida para atender a merenda escolar”, finalizou.

 

Ascom da Veracel

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui