Itabuna: Delegados elegem prioridades para o Orçamento 2016

Depois de 12 plenárias nos bairros, distritos e comunidades rurais para debater as ações prioritárias para o exercício de 2016, a Prefeitura de Itabuna realizou neste sábado, no auditório do Sest/Senat, no bairro Lomento Júnior, o Congresso do Orçamento Participativo, que contou com a presença de moradores de todas as regiões do município. Os delegados escolherem mais sete ações que serão executadas pela Prefeitura no próximo ano.

As ações mais votadas neste sábado se juntaram a outras 14 aprovadas nas plenárias setoriais realizadas entre os dias 9 de junho e 13 deste mês em 13 regiões do município. Elas serão incluídas na proposta orçamentária que será encaminhada para análise e aprovação pela Câmara de Vereadores de Itabuna nos próximos meses. “As sete ações escolhidas neste sábado não podem sofrer modificações e terão que ser executadas no próximo ano”, explica o diretor do Departamento de Planejamento Econômico da Secretaria de Planejamento e Tecnologia, Rosivaldo Pinheiro, um dos coordenadores do Programa Orçamento Participativo.

No total de 21 propostas aprovadas nas plenárias e Congresso, nove são na área de infraestrutura nos bairros Urbis IV, Itamaracá, Fonseca, São Pedro, São Caetano, Pontalzinho e Gegéu Rocha, além do distrito de Mutuns. Dentre as ações estão: construção de escadaria, passarelas, pavimentação de ruas, revitalização de praças e construção de equipamentos esportivos e de lazer.

Na área de educação foram aprovadas seis propostas que visam à melhoria de qualidade de vida dos moradores das regiões dos bairros Ferradas, Lomanto, Jardim Primavera e distrito de Itamaracá. Os destaques são a construção de uma creche no bairro Lomanto e reforma da escola Marieta de Carvalho em Itamaracá.

Nas áreas de assistência social, cultura e recreação os moradores elegeram como prioridade a construção da quadra poliesportiva na comunidade da Roça do Povo, Centro de Convivência, Lazer e Recreação no bairro Santo Antônio e uma quadra poliesportiva no assentamento Manoel Chinês.

Para a área de saúde os moradores elegeram como prioridade a reforma dos postos de saúde da Roça do Povo e Jorge Amado, com implantação do consultório odontológico no segundo bairro; além da implantação de plantões para os dias que a equipe médica não estiver atendendo em Itamaracá. “A Saúde apresentou a menor demanda exatamente porque a Prefeitura de Itabuna já está executando obras de melhorias e ampliando os serviços da atenção básica na maioria das unidades de saúde”, avaliou o secretário Planejamento e Tecnologia Wenceslau Júnior.

Também participaram do Congresso do Orçamento Participativo os secretários Eric Ettinger (Saúde), Evans Maxwel Silva (Esportes e Recreação), Dinalva Melo do Nascimento (Educação), José Carlos Trindade (Assistência Social), Cleide Oliveira (Governo), Wellington Rodrigues (Administração) e Gilvan Rodrigues (Comunicação). Além do vereador Jairo Araújo e sindicalistas.

Ascom da Prefeitura de Itabuna

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui