Irmã Dulce

Era nordestina, nascida em Salvador, cruzamento de raças diferentes, europeu, indígena e africana. O Nordeste tem como uma das sementes o drama da fome e da pobreza, as vidas de Lampião, padre Cícero e Antonio Conselheiro e irmã Dulce foram neste universo.
Tenho como dogma que a vida de cada ser humano ao longo da existência transita pelo sofrimento e pelo prazer.
Irmã Dulce aliviou o sofrimento e a pobreza extrema do nordestino. Não matou como Lampião, não foi política como padre Cícero, e não foi peregrina como Antonio Conselheiro, mas todos temos histórias, ou porque na condição humana somos uma colagem de histórias, a de irmã Dulce foi ensinar e ajudar doando-se, lema de todas as religiões, encantou e virou Santa…

*João é natural de Salvador, onde reside. Engenheiro civil e de segurança do trabalho, é perito da Justiça do Trabalho e Federal. Neste espaço, nos apresenta o mundo sob sua ótica. Acompanhe semanalmente no site www.osollo.com.br.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui