Ilhéus : Ladrões são presos e carga avaliada em R$ 40 mil é recuperada

De acordo com informações da Polícia Civil, a carga será devolvida ao proprietário da empresa distribuidora, com sede em Jequié

Quatro homens envolvidos no roubo de um caminhão na rodovia que faz a ligação entre os municípios de Una e Ilhéus, no Sul da Bahia, na última quinta-feira (17), foram presos por investigadores da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Ilhéus na região de Olivença nesta sexta-feira (18). Uma carga com 21 toneladas de gêneros alimentícios como arroz, açúcar e charque, avaliada em R$ 40 mil, também foi recuperada com os bandidos.

De acordo com informações da Polícia Civil, a carga será devolvida ao proprietário da empresa distribuidora, com sede em Jequié, após a apreensão dos alimentos. Sindoval Muniz Maia, dono de uma mercearia localizada no centro de Jequié, seu filho Sindoval Muniz Maia Filho, e os comparsas João Lucas Meira Guimarães e Mateus Silva Guimarães foram presos dentro do estabelecimento do comerciante, onde a polícia encontrou dez quilos de maconha armazenados numa mala e dois revólveres de calibres 38 e 32.

O caminhão com a carga roubada foi interceptado pelos quatro assaltantes que estavam em um carro e conseguiram parar o veículo da distribuidora de alimentos. Ainda segundo a Polícia Civil, um dos ladrões assumiu a direção do caminhão e parte do grupo fez reféns o caminhoneiro e seu ajudante, obrigados a permanecer por várias horas dentro do Gol, de cabeça baixa e sob a mira de armas. Depois de algumas horas percorrendo estradas da região, as vítimas foram deixadas em uma via pública da cidade de Ilhéus.

A polícia acredita que a carga tenha sido roubada para abastecer a mercearia do comerciante que fazia parte do grupo de assaltantes. Os bandidos e a carga foram encontrados com a ajuda do motorista do caminhão, que percorreu a região junto com a polícia para indicar os locais onde eles haviam passado quando estavam sob o poder dos bandidos.

Fonte : Correio da Bahia

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui