Ilhéus: Ação Cidadã “Pescando o Futuro” acontece, nesta sexta-feira, dia 10

Entre eles, saúde da mulher e do homem, aplicação de flúor e escovação, senso tensiométrico, testes de acuidade visual, tipagem sanguínea, glicemia, mini-cursos, orientações jurídicas e resgate, salvamento e primeiros socorros, além de corte de cabelo, maquiagem e penteados

Com o objetivo de ampliar os benefícios oferecidos aos pescadores e marisqueiras do município e do Sul da Bahia, a Prefeitura de Ilhéus e a Bahia Pesca, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca (Seap), promovem, nesta sexta-feira (10), a ação cidadã “Pescando o Futuro”. O evento acontecerá, das 8 às 13 horas, no Terminal Pesqueiro de Ilhéus, sediado na Avenida Coronel Misael Tavares, centro da cidade, com a promoção de diversos serviços nas áreas de saúde, cidadania e assistência social.

Conforme o secretário municipal Sebastião Vivas, o evento será aberto também à comunidade em geral, e cita alguns serviços que serão oferecidos durante o Pescando o Futuro: “Na sexta-feira, disponibilizaremoas serviços importantes, como saúde da mulher e do homem, aplicação de flúor e escovação, senso tensiométrico, testes de acuidade visual, tipagem sanguínea, glicemia, mini-cursos, orientações jurídicas, resgate, salvamento e primeiros socorros, além de corte de cabelo, maquiagem e penteados”, enfatiza Vivas.

Na avaliação do secretário, o “Pescando o Futuro” tem a proposta de promover o resgate e o avanço sociais dos pescadores e marisqueiras de Ilhéus e do Sul da Bahia. “Por isso, estamos solicitando que as categorias envolvidas não percam esta oportunidade, resultado de uma ampla parceria institucional voltada para a promoção de uma melhor qualidade de vida para todos”, comenta.

Conscientização – Uma das parceiras da ação cidadã, a Delegacia da Capitania dos Portos estará presente, no Terminal Pesqueiro, com o objetivo de regularizar as embarcações que trafegam na região, bem como com a finalidade de desenvolver diversas ações voltadas para a conscientização dos pescadores em geral para a necessidade do cumprimento da várias normas de segurança estabelecidas pela Marinha do Brasil e sempre de acordo com a legislação aquaviária pertinente.

Na oportunidade, segundo informações do delegado da Capitania dos Portos em Ilhéus, capitão-de-corveta Cláudio Ricardo Gomes Sanches, serão efetuadas vistorias, regularizações, inscrições de embarcações e orientações sobre os diversos cursos componentes do Ensino Profissional Marítimo (EPM). “Apesar disso, neste dia, não serão cobradas taxas nem emolumentos para os proprietários de embarcações de pesca artesanal, menores de 10 metros e de catraias equipadas com motores de rabeta. Também não serão emitidas quaisquer notificações para os proprietários de embarcações que, mesmo estando irregulares, compareçam, voluntariamente, para se regularizarem”, diz Sanches.

Parcerias – Além das secretarias municipais de Saúde (Sesau) e Desenvolvimento Social (Sedes), participam da ação cidadã “Pescando o Futuro” o Sebrae (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), a EBDA (Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola), Faculdade de Ilhéus, as colônias de pesca Z-19 e Z-34, a Apesmar (Associação de Pescadoras e Marisqueiras do São Miguel) e a Elclin (Clínica de Olhos Eusínio Lavigne).

 

Secretaria de Comunicação Social (Secom)

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui