Idosa de abrigo que teve surto é primeira vacinada em Porto Seguro

 

 Idosa de abrigo que teve surto é primeira vacinada em Porto Seguro. Foto: Radar64

Na manhã de terça-feira (19), as primeiras doses da vacina CoronaVac foram enviadas para a Fundação da Terceira Idade Doce Lar, localizado no bairro Agrovila, em Porto Seguro.

O lar possui 29 idosos como internos, grupo prioritário para tomar a vacina.

A primeira pessoa a ser vacinada na Terra Mãe do Brasil foi dona Maria José Soares, nascida em 19/03/1918.

O ato foi acompanhado pelo prefeito Jânio Natal e a secretária de Saúde do município, dra. Raissa Soares.

Após a cerimônia, além da dona Maria José, de 102 anos, outros 28 idosos do Lar foram imunizados.

O abrigo enfrentou um surto de Covid-19 em maio de 2020. Um dos idosos morreu. Maria José Soares também contraiu a doença. O presidente da fundação, Paulo Roberto Santos Leal, disse que o momento é histórico. “Nós estamos aqui muito felizes, graças a Deus. Chegou o dia que todo mundo estava esperando. É só o início, muitas coisas vão acontecer no dia de hoje”, ressaltou.

O município de Porto Seguro recebeu 4.900 mil doses da vacina, que chegaram na madrugada desta terça no aeroporto local. Desse total, 1.300 serão direcionadas para a população do município, idosos de 60 anos institucionalizados e profissionais da linha de frente de combate à pandemia. Já 3.600 vacinas serão destinadas para a população indígena aldeada.

10. 800 doses do imunizante foram distribuídas para as oito cidades da Costa do Descobrimento. Eunápolis recebeu 1.100 vacinas. Para municípios menores, como Itabela, Guaratinga, Itapebi e Itagimirim, foram enviadas de 100 a 200 doses.

A CoronaVac é desenvolvida pela farmacêutica Sinovac em parceira com o Instituto Butantan. A vacina tem aprovação da Anvisa – Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

Com informações: Radar64

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui