Grupos gestores ampliam diálogo sobre cidadania

O 1º encontro de grupos gestores de assentados, do Assentamento Milton Santos, e de indígenas, da Aldeia Pé do Monte, aconteceu neste mês. A secretária de Trabalho e Desenvolvimento Social, equipe técnica e lideranças ampliaram o diálogo sobre direitos, deveres, serviços municipais e participação cidadã.

O objetivo foi estabelecer que o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS), em parceria com lideranças dessas comunidades, possibilite que as políticas públicas cheguem às localidades mais distantes da sede do município.

Este projeto piloto é de grande importância para Porto Seguro, que conta com 22 aldeias indígenas e 17 Assentamentos, regiões de difícil acesso, dificultando o acesso de sua população aos serviços. “Por conta disso, essa metodologia que traz a parceria entre CRAS e grupos gestores pode colaborar para que esse desafio seja vencido, tornando-se um marco na condução da política da Assistência Social no município”, explica a prefeita de Porto Seguro.

SECRETARIA DE TRABALHO E DESENVOLVIMENTO SOCIAL

ASCOM – PREFEITURA DE PORTO SEGURO

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui