Foragido é preso por manter mulher em cárcere privado

Jucuruçu – Os policiais da 43ª da Companhia Independente da Polícia Militar, Vieira, Sirvilânio e o agente público Jorge Henrique do Rosário, apresentaram na Delegacia da Polícia Civil de Itamaraju, Irenilton dos Reis Santos, 27 anos de idade, muito conhecido por Nei, por ter agredido sua companheira, Anildes Rodrigo dos Santos, 38 anos de idade. O fato ocorreu na Fazenda Boa Vista, no município de Jucuruçu.

Segundo os policiais militares, a vítima era mantida em cárcere privado, sob ameaça e maus tratos numa casa da propriedade rural. Contra o acusado, Irenilton dos Reis Santos, existe um mandado de prisão, por ser foragido da Delegacia de Polícia de Guaratinga, quando foi preso por furto e agressão contra sua própria esposa. Na ocasião da fuga o mesmo foi alvejado com um tiro na perna esquerda pela polícia.

Na Delegacia da Polícia Civil, o pai de Anildes, o agricultor João Francisco dos Santos, 73 anos de idade, morador da rua Democracia, s/n, em Coqueiro, distrito de Jucuruçu, relatou que sua filha conheceu Nei em um aniversário e passou a conviver com ele maritalmente. Na manhã da última segunda-feira (29) o pai sentiu falta da filha e mandou seus netos irem até a fazenda, quando Nei alegou que a mulher não estava em casa.

O agricultor João Francisco contou que recebeu a informação que sua filha não estava presente na fazenda e ficou muito preocupado e informou aos policiais militares, que de imediato realizaram diligências e ao chegar pelos fundos da Fazenda Boa Vista, adentraram na residência e encontraram a mulher presa em um quarto em regime de cárcere. Foi preciso quebrar a fechadura da porta para que pudessem chegar até a mulher, que apresentava hematomas em várias partes do corpo.

Os policias militares conduziram Nei para a Delegacia da Polícia Civil de Itamaraju nesta quarta-feira (1º) apresentando-o ao delegado Gean Carlos Nascimento, que já abriu inquérito policial em torno do caso.

Irenilton dos Reis Santos, 27 anos de idade, encontra-se preso na carceragem do Complexo Policial de Itamaraju à disposição da Justiça e responderá por agressão, seqüestro e cárcere privado.

Fonte: Ronildo Brito e Lênio Cidreira / Teixeira News

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui