Exposição: confira a Barra do Cahy, em Prado, a primeira praia do Brasil

Mês do Descobrimento: confira a Barra do Cahy, em Prado, a primeira praia do Brasil. Foto: Divulgação

De beleza natural deslumbrante e de grande valor histórico, Barra do Cahy, localizada em Prado, recebeu em 2017, o título de 1ª Praia do Brasil. Segundo pesquisadores e historiadores, o local descrito na carta de Pero Vaz de Caminha, em 1500, se trata mesmo da Barra do Cahy. Foi na foz do Rio Cahy, que a tripulação de Pedro Álvares Cabral fez a primeira parada estratégica por 40 horas antes de ancorarem em Porto Seguro. Do mar na Barra do Cahy, é possível inclusive avistar o Monte Pascoal.

Para homenagear este acontecimento, a Prefeitura Municipal de Prado realizará uma cerimônia para memorar o “achamento do Brasil”, na data do descobrimento, a partir das 18h no Palácio do Turismo, com apresentação da Filarmônica Lira Pradense e apresentação cultural indígenas pataxós das aldeias do município.

A Praia da Barra do Cahy está há 47 Km ao norte da cidade do Prado, há 15 Km de Cumuruxatiba. Para a Secretária de Turismo de Prado, Iracema Ribeiro, a Barra do Cahy é o marco inicial da história brasileira.

Foto: Ascom

“Além do valor histórico, Barra do Cahy possui também um valor geográfico e cultural de grande importância. ‘Em nenhuma outra cidade, nem em Porto Seguro, se avista o Monte Pascoal como aqui. O berço da nação brasileira começou em Barra do Cahy, assim como o descobrimento do Brasil’”, destaca o prefeito de Prado, Gilvan Produção.

“O dia 22 de abril de 1500 marcou oficialmente a chegada dos portugueses ao território brasileiro, mais precisamente no Monte Pascoal na cidade de Prado, na Bahia. Durante todo o século XV foram realizadas grandes navegações, como a expedição de Cristóvão Colombo à América Central e a chegada dos portugueses aqui no Brasil”, finaliza Gilvan Produção.

Foto: Ascom

História  

No século XV acreditava-se que a Terra era plana e que em suas extremidades havia monstros. Colombo não acreditava nisso, e planejava encontrar uma rota para as Índias, acidentalmente encontrou, o que chamamos hoje de América central. Após a expedição de Colombo financiada pela Espanha, Portugal organizou uma nova expedição com a expectativa de encontrar terra a oeste e uma nova rota para as Índias. Portugal estava desfrutando o auge do comércio de especiarias da Índia (pimenta-do-reino, noz-moscada, perfumes e incenso), mercadorias valiosíssimas por serem raras no mercado europeu. A procura pela nova rota era justamente para garantir o acesso a essas mercadorias. O nome escolhido para liderar tal expedição foi o de Pedro Álvares Cabral, cavaleiro da Ordem de Cristo, que zarpou de Lisboa em 9 de março de 1500. No dia 22 de abril, do mesmo ano, avistaram Monte Pascoal e no dia seguinte desembarcaram na praia da Barra do Cahy.

Prado 

Com um movimento calmo e tranquilo durante todo o ano, Prado se torna um refúgio de belezas naturais. A riqueza vegetal preservada na cidade, grandes falésias de areia, vários coqueiros e as tradicionais canoas e jangadas coloridas, utilizadas para a pesca artesanal, são adicionais à paisagem da orla marítima e seus 84 km de extensão. Algumas praias não devem faltar em seu roteiro, como o Baleneário de Guaratiba, Cumuruxatiba, Corumbau e as praias mais próximas ao centro, como Paixão e Tororão. Por conta das águas mornas e cristalinas, que variam entre tons de azul e verde, Prado com toda certeza encantará os turistas.

As praias de Prado estão localizadas no litoral baiano em uma região conhecida por Costa das Baleias. Este nome se dá por conta da migração de baleias jubartes entre julho e novembro na região. Os animais descem das águas polares até a costa brasileira para acasalarem nas águas quentes e Prado é um dos melhores pontos de observação do mundo que atrai milhares de turistas ansiosos por esse espetáculo em alto mar todos os anos. Esse verdadeiro show das gigantes do mar pode ser admirado com passeios de barco saindo de PradoCumuruxatiba e Corumbau. Conhecer as belezas que temos em alto mar devem fazer parte do seu roteiro, como o Recife de Guaratiba, onde também é possível praticar mergulho livre e se surpreender com as diversas espécies de peixes e corais da região.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui