Ex-mototaxista alvejado com tiro na cabeça em Itamaraju está em coma em Teixeira de Freitas

Compareceu à Delegacia da Policia Civil de Itamaraju (DEPOL), nesta última segunda-feira (28/06), o comerciante Milton Oliveira Matos, 58 anos, pai do ex-mototaxista William Bezerra Matos, 25 anos, alegando que seu filho sofreu uma tentativa de homicídio na noite da última sexta-feira (25/06), por volta das 20h30, no Bairro Tassizão, região norte da cidade.

Segundo relatos do comerciante, William Matos se encontrava no Bairro Tassizão na companhia de dois amigos e foi alvejado com um disparo de arma de fogo, que atingiu a cabeça do jovem, com orifício de entrada na região na nuca, o que caracteriza que o tiro foi dado por trás. William foi socorrido por populares até o Hospital Municipal de Itamaraju (HMI) e como o seu estado de saúde foi considerado grave, logo na sequência acabou sendo removido para o Hospital Municipal de Teixeira de Freitas (HMTF), que possui Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Segundo apurou os policiais civis de Itamaraju, o ex-mototaxista William estava bebendo em um bar no Bairro Tassizão, em companhia de amigos e quando deixava o local, caminhando em direção a um veículo, antes dele entrar no carro, uma pessoa desconhecida aproximou-se e disparou um tiro contra a sua cabeça.

O quadro de saúde de Willian era considerado estável até a tarde do último sábado (26), mas na noite do mesmo dia, de acordo com informações de familiares, ele pirou e precisou com urgência ser levado para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde passou por um procedimento cirúrgico para extrair o projétil, que estava alojado no crânio do jovem. Ele está em coma induzido, e somente após findar este procedimento será possível saber as consequências provocadas pelas lesões do tiro.

O delgado Gean Nascimento, titular da Polícia Civil de Itamaraju, já instaurou inquérito para apurar a motivação e autoria da tentativa de homicídio.

 

Fonte: Ronildo Brito e Lênio Cidreira / Teixeira News

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui