Estudantes Norte-americanos farão estágio no SUS em Teixeira de Freitas

alt

Estudantes norte-americanos que vieram para um estágio de vivência no SUS- Sistema Único de Saúde em Teixeira de Freitas foram recepcionados na manhã desta segunda-feira, dia 20 de junho, no auditório da Secretaria Municipal de Saúde.

Ao todo, 10 estudantes de medicina oriundos da Universidade da Flórida – EUA, farão um estágio na cidade, por um período de 04 dias, para conhecerem e vivenciarem o funcionamento do SUS.

alt

A recepção, que teve uma palestra ministrada pelo doutor Adriano Massuda, médico formado pela Universidade Federal do Paraná, com mestrado e doutorado em Saúde Coletiva pela Universidade Estadual de Campinas, e ainda com experiência em administração pública, ex-secretário de Saúde de Curitiba e atual diretor da EBSERH – Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares saudou os convidados ilustres e fez uma verdadeira radiografia sobre o funcionamento do SUS.

Massuda ressaltou a importância do aumento no numero de equipes de saúde da família, o que vem ocorrendo em Teixeira de Freitas, fato que contribui para a redução de algumas doenças, melhorando as redes de urgência.

alt

O secretário de saúde de Teixeira de Freitas, Eujácio Dantas, saudou os convidados e falou sobre a importância deste momento para a saúde brasileira. Uma grande oportunidade de mostrar o trabalho que vem sendo realizado na cidade, os avanços conquistados até aqui e os investimentos feitos pela administração do prefeito João Bosco, que tem usado cerca de 30% do orçamento do município na saúde. “Teixeira de Freitas tem 100% de cobertura da Saúde da Família, o que melhorou bastante o trabalho de prevenção, fazendo com que os profissionais daqui sempre sejam convidados a estarem dividindo essas experiências de sucesso com outras cidades”, destacou.

alt

O prefeito João Bosco falou sobre os desafios que esses profissionais enfrentam quando entram na profissão. Ele colocou que hoje há a UFSB na cidade, que “é uma promessa para ser modelo e referência de ensino na área da saúde. É muito importante essa aproximação dos estudantes com o local de trabalho. E os profissionais devem almejar fazer a diferença e melhorar o mundo”, enfatizou o prefeito.

Por osollo.com.br / Lúcio Andrade/ Jornalista / MTb 4232

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui