Enem reúne mais de cinco milhões de estudantes

Dos mais de 7 milhões de inscritos, 29% faltaram – taxa maior que em 2012.

Trinta e seis candidatos foram desclassificados por postar fotos na internet.

Mais de cinco milhões de estudantes participaram do Enem – o Exame Nacional do Ensino Médio. Trinta e seis candidatos acabaram desclassificados.

O balanço final do Enem foi divulgado no domingo (27) à noite. Dos mais de 7 milhões de inscritos, 29% não fizeram a prova. Um índice um pouco maior que o do ano passado.

Pelo menos 36 candidatos foram desclassificados porque postaram fotos do exame na internet. Eles podem ser processados por tentativa de fraude e, se condenados, pegar seis anos de prisão.

O MEC monitorou mais de dois milhões de publicações em redes sociais.

Segundo o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, um radialista saiu algemado de um dos locais de prova de Unaí, Minas Gerais. Ele também comentou uma charge, usada no Enem, em que a palavra gasolina foi escrita com z – e não com s, da forma correta.

“O MEC não pode, o Inep [não pode] alterar uma obra de arte por qualquer razão que seja. Integralidade da obra, como é uma charge, a linguagem pode fazer parte da crítica”, explicou o ministro.

Foram dois dias de prova. O domingo foi o mais longo, por causa da redação, que teve como tema os efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil. Em Brasília, uma candidata gostou: “O tema da redação achei bem tranquilo. Deu pra dissertar bem”.

Depois da prova, agora a ansiedade dos candidatos é pela divulgação do gabarito. As respostas serão publicadas no site do Inep até a próxima quarta-feira (30).

O resultado do Enem sairá na primeira semana de janeiro.

 

 

Fonte: Bom Dia Brasil

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui