Porto Seguro: Encontro do MST reúne 300 educadores em Porto Seguro

alt

Cerca de 300 educadores de 53 escolas da zona rural da Costa do Descobrimento ligadas ao MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra) estão participando, de 21 a 23 de julho, no Colégio Municipal de Porto Seguro, do XIX Encontro de Educadores da Regional Extremo Sul.

Com o tema “A relação dialética entre o militante e o educador do campo na construção da agroecologia”, o encontro segue até o próximo sábado, com a realização de palestras, debates e grupos de trabalho, abordando assuntos ligados à reforma agrária, conjuntura nacional, educação no campo e agricultura sustentável. Estão representados no evento dois assentamentos do município: Milton Campos e Chico Mendes.

alt

Segundo Edcarlos da Silva (Preto), da direção estadual do MST e coordenador dos assentamentos da Costa do Descobrimento, um dos objetivos do encontro é avaliar as propostas e avanços do movimento, além de planejar o futuro. “Esse ano é diferente, por tudo o que vem acontecendo no país, precisamos planejar muito bem nossas ações para evitar o retrocesso e assegurar novas conquistas para o trabalhador do campo”.

alt

De acordo com Sebastião Lopes, do setor de Comunicação do MST, a temática do encontro vem buscando um novo modelo de produção, baseado na agroecologia, e que passa necessariamente pela educação. “Queremos tirar o nosso sustento produzindo sem agrotóxicos, defendendo e protegendo a natureza, de modo que nossas escolas também sejam ferramentas desse desenvolvimento que buscamos”, enfatiza.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui