Em busca de melhorias, estudantes e pais interditam a BR-367

O protesto iniciou nesta terça-feira (29), às 6h da manhã, nas proximidades de Porto Seguro, na altura da Agrovila, onde os pais e estudantes de 5 escolas manifestaram contra a falta do transporte escolar.

Com a estrada bloqueada por árvores e pneus, um engarrafamento se formou nas duas vias da BR. Uma equipe da Polícia Federal esteve no local mediando as negociações da liberação da pista.

Fotos: MídiaNews

Segundo alguns pais, na localidade de Embiruçu – zona rural, cerca de 200 estudantes não frequentam as aulas há quase um mês, pois os motoristas das kombis escolares tiveram o contrato rompido com a prefeitura no início de agosto por recomendação do Ministério Público Federal, pois a empresa terceirizada, responsável pelo serviço de transporte escolar  está sendo investigada por várias irregularidades.

Na tentativa de resolver o problema a Prefeitura Municipal de Porto Seguro fechou contratos de emergência,  porém a situação não voltou a normalidade, e as manifestações têm ocorrido com frequência, como na semana passada em Trancoso e Vale Verde.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui