Cuidados com as axilas devem fazer parte da rotina de beleza

Uma das áreas mais sensíveis do corpo, as axilas precisam de atenção diária para continuar macias. Isso porque elas tendem a sofrer com o atrito constante das dobrinhas da pele, retendo bactérias causadoras de odor e provocando irritações. Portanto, para continuar vestindo as confortáveis regatas sem medo, é preciso incorporar cuidados especiais com a região axilar ao ritual de beleza.

Essa rotina, além de nutrir a cútis e evitar a formação de foliculite, melhora os problemas estéticos causados pela depilação e pelo atrito constante da pele, responsáveis pela coloração escura e pela formação das indesejáveis manchinhas.

Embaixo do chuveiro

Os cuidados especiais começam com uma boa higienização durante o banho. Prefira sabonetes antissépticos e use uma esponja macia para não agredir a cútis, devido a sua alta sensibilidade. Em seguida é recomendado secar bem a área com uma toalha para evitar a umidade no local.

Hidratação poderosa

Para assegurar a suavidade das axilas uma boa pedida é aplicar cosméticos ricos em vitaminas. A vitamina E retarda o envelhecimento da pele enquanto a vitamina F previne o ressecamento. Ao serem associadas, são capazes de promover com mais intensidade a hidratação local. Além de manter a região lisinha e livre dos pelos encravados, uma hidratação poderosa, feita ao menos duas vezes por dia, também é fundamental na prevenção do escurecimento cutâneo.

Esfoliação

Outra dica é esfoliar a região a cada duas semanas, promovendo a renovação celular e evitando que os pelinhos encravem. Essa ação também diminui a aparência áspera, no entanto, após a esfoliação é comum a área ficar levemente vermelha por conta da sua alta sensibilidade.

Depilação perfeita

A remoção de pelos com lâmina deve ser realizada no sentido contrário ao seu crescimento para evitar o movimento de vai-e-vem que irrita a cútis. Além disso, usar o creme de barbear ou algum produto específico também auxilia na eficácia da depilação. Contudo, não é recomendado usar sabonete, condicionador ou pomada, pois suas propriedades não são indicadas para esse tipo de ação.

Se a depilação for com cera, quente ou fria, a única contra-indicação é não reaproveitar as ceras para evitar infecções e o encravamento dos pelinhos. Independentemente do tipo de remoção, o ideal é esfoliar o local e aplicar hidratante uma hora antes do procedimento.

 

Fonte: Terra Mulher

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui