Confusão

O país chora, e é tempo de luto e muita confusão em como combater a pandemia. Muitos empobrecendo com o lockdown, outros lutando pela vida nas UTIs, é um momento trágico com desemprego, fome, e mortes.

Artistas isolados em fazendas e sítios mostra que a arte deixou de embelezar o viver. Esta grande dor de todos nós terá muitas interpretações, e uma delas é como o quadro “O Sonho da Razão produz monstros” do pintor espanhol Goya, pois está capacidade da mente de parte da classe política, com palavras ásperas e alienantes levam a estes dados monstruosos de mortes e um verdadeiro momento surreal onde emergimos em um mundo em que tudo parece confuso, onde todos tem opiniões diversas e contrárias.

Espero que tenhamos de volta às nossas rotinas, ao que estamos acostumados, a força ofuscante destas irracionalidades tenha passado e o alívio venha. A maior parece não entender a gravidade do momento. A própria cabeça, se olhassem dentro dela, esta cheia de lixo.

Muitos largaram as rédeas da razão e morreram, não é uma fatalidade, mas, quase um suicídio, já que neste momento podemos fazer o nosso destino com o bom senso.

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui