Compra de votos: maior motivo de cassação de políticos no país

Um levantamento realizado pelo Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), no período que compreendem os anos de 2000 e 2010, aponta que cerca de 700 políticos foram cassados. O motivo: acusações de compra de votos nas eleições.

São várias as modalidades usadas pelos infratores políticos: : em Rondônia, um candidato a vereador foi preso pela Polícia Federal (PF) distribuindo pintinhos amarelinhos a eleitores de comunidade carente. Há candidatos que oferecem cédulas de real rasgadas, com a promessa de dar a outra parte se forem eleitos. Outros distribuem mesas de sinuca, dentaduras, caixas-d’água, carteiras de motorista.

Conforme a pesquisa realizada pela Universidade de Brasília (UnB), estes métodos ilegais com o intuito de ‘arrecadar’ votos não são, de fato, eficazes. O levantamento aponta que de cada dez eleitores que ‘vendem’ o voto, apenas dois colocam o número do ‘comprador’ na urna.

 

Fonte: Renata Preza / Tribuna da Bahia,  com informações de O Globo

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui